Google "aposenta" os celulares Pixel 4 e Pixel 4 XL

Por Diego Sousa | 07 de Agosto de 2020 às 14h30
Reprodução/Notebook Check
Tudo sobre

Saiba tudo sobre Pixel 4

Ficha técnica

Pouco mais de um mês depois de o Google descontinuar os intermediários Pixel 3a e Pixel 3a XL, chegou a vez dos modelos de ponta Pixel 4 e Pixel 4 XL deixarem de aparecer na Google Store, loja online da empresa. Ao que tudo indica, a medida busca promover o recém-lançado Pixel 4a, cujas vendas de fato estão previstas para o dia 20 de agosto.

Curiosamente, diferente das outras gerações, os atuais topos de linha da fabricante foram descontinuados menos de um ano após seus lançamentos, que ocorreram em outubro de 2019 — as segunda e terceira gerações da linha ficaram à venda por cerca de 18 meses, com o Google descontinuando os modelos apenas seis meses após os anúncios dos seus sucessores.

Smartphone não aparece mais disponível na Google Store dos Estados Unidos (Foto: Diego Sousa/Canaltech)

No entanto, se você possui um Pixel 4 ou Pixel 4 XL, não se preocupe: o Google confirmou que os smartphones receberão atualizações de software e segurança por pelo menos mais dois anos. Além disso, quem ainda quiser adquirir o atual celular de ponta da empresa pode comprá-lo em lojas parceiras enquanto durarem os estoques.

Vale lembrar: nenhum Pixel jamais foi vendido oficialmente no Brasil.

Novos smartphones vêm aí

A decisão de descontinuar os smartphones se deu alguns dias depois de o Google anunciar o Pixel 4a, versão intermediária da quarta geração. O celular recebeu uma repaginada completa em seu visual, adotando o popular furo na tela para a câmera frontal e menos bordas, além de configurações de respeito e o característico sistema de câmera da linha Pixel.

Pixel 4a mantém parte traseira característica, mas com visual frontal repaginado (Foto: Divulgação/Google)

O Pixel 4a foi colocado à venda na Alemanha, Austrália, Canadá, Estados Unidos, Irlanda, Japão e Reino Unido, sem previsão de lançamento em outros países. O preço sugerido nos Estados Unidos é de US$ 349 (aproximadamente R$ 1.860), US$ 50 a menos que seu antecessor. Ele briga diretamente com os recém-lançados OnePlus Nord e iPhone SE (2020) no mercado intermediário premium.

Além disso, o Google confirmou mais dois smartphones para os próximos meses: a versão 5G do Pixel 4a e o Pixel 5. Infelizmente, não há muitas informações sobre eles além de inúmeros vazamentos, mas foi confirmado que a quinta geração da linha será lançada com 5G e Android 11 estável.

Fonte: The Verge  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.