Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Um dos piores personagens de O Senhor dos Anéis está na nova temporada da série

Por| Editado por Durval Ramos | 29 de Maio de 2024 às 12h46

Link copiado!

Reprodução/Prime Video
Reprodução/Prime Video

O Senhor dos Anéis: Os Aneis do Poder retorna ao Prime Video no dia 29 de agosto para a sua segunda temporada e, para aumentar a expectativa dos fãs, foi revelado o visual de um dos mais lendários (e irritantes) personagens dos livros de J.R.R. Tolkien. Tom Bombadil, personagem que ficou de fora da trilogia nos cinemas, fará parte da história dos novos episódios da série do streaming.

Nos livros, Tom Bombadil aparece logo no início da jornada de Frodo e os hobbits em O Senhor dos Anéis e foi uma das omissões mais sentidas pelos fãs na adaptação dirigida por Peter Jackson. O diretor afirmou não saber exatamente como utilizar Bombadil na história que estava contando, algo que pode até mesmo ser compartilhado com as ideias de Tolkien, que também parecia não saber exatamente o que o personagem realmente era.

Continua após a publicidade

As primeiras imagens de sua participação na série da Amazon foram reveladas pela revista Vanity Fair, mostrando o ator Rory Kinnear (Penny Dreadful) no papel de Bombadil, enquanto fala com O Estranho, personagem interpretado por Daniel Weyman.

Quem é Tom Bombadil?

Tom Bombadil é um personagem que fez sua primeira aparição em O Senhor dos Anéis, especificamente no livro A Sociedade do Anel. O personagem, descrito por Tolkien como "mais velho que o mais velho", é apresentado como uma entidade caridosa, quase como uma representação da bondade e da natureza dentro da história.

O personagem aparece rapidamente na trama, ajudando os hobbits no começo de sua jornada, usando roupas coloridas e cantando como se a sua existência dependesse disso. Ele surge depois de uma árvore engolir Merry e Pippin, conseguindo salvá-los com uma canção. O grupo de hobbits conhece a mulher de Tom, Fruta D'Ouro, antes de se despedirem e seguirem viagem.

Eles ainda são ajudados mais uma vez por Bombadil depois de serem capturados por espíritos malignos. Toda a parte de Tom Bombadil na trama é muito lembrada exatamente por conta das músicas cantadas pelo personagem, que são exageradamente longas, o que deve ter feito Peter Jackson decidir removê-lo completamente de sua adaptação da trilogia para os cinemas. E esse é um desafio que o seriado do Prime Video decidiu encarar.

Os produtores de Os Anéis de Poder viram na neutralidade de Tom um desafio na hora de incluí-lo na narrativa da segunda temporada. "Ele não tem nenhuma função dramática que justifique a sua inclusão em uma adaptação. Ele é mágico e extravagante, quase se tornando bobo. Mas ele também traz a sabedoria de eras em suas músicas e em suas palavras", disse o showrunner Patrick McKay.

Continua após a publicidade

Adaptá-lo se tornou mais simples após os produtores terem percebido como Tolkien tentava descrevê-lo, como uma criatura com uma criatura pacifista, que acaba escolhendo ajudar os hobbits por eles representarem a luta do bem contra o mal, e que se Sauron conseguisse vencê-los, ele poderia simplesmente continuar existindo.

"Nós começamos a pensar sobre com o que exatamente ele se importa. Nós sabemos que ele se importa com o mundo natural e que ele gosta de ajudar. Ele não vai fazer com você faça algo, mas vai te ajudar de alguma forma", disse o showrunner J.D. Payne.

Saberemos o resultado dessa adaptação a partir do dia 29 de agosto, data de estreia da segunda temporada de O Senhor dos Anéis: Os Anéis do Poder, exclusivamente no Prime Video.