Estes apps com vírus para Android somam mais de 2 milhões de downloads

Estes apps com vírus para Android somam mais de 2 milhões de downloads

Por Felipe Demartini | Editado por Claudio Yuge | 15 de Junho de 2022 às 12h30
Daniel Romero/Unsplash

Aplicativos maliciosos disponíveis no sistema operacional Android, trazendo vírus que exibem anúncios ou roubam informações dos usuários, acumularam mais de dois milhões de downloads na Play Store em maio. As informações sinalizam campanhas maliciosas constantes, que se aproveitam da presença dos softwares na loja oficial do Google para aplicar golpes enquanto se disfarçam como jogos, apps utilitários e soluções de segurança.

Um levantamento feio pelos pesquisadores do Dr. Web, focados em segurança digital, mostra pelo menos nove apps fraudulentos desse tipo em ampla atividade e sendo os responsáveis pelos dois milhões de instalações. Destes, pelo menos cinco permaneciam no ar até a publicação desta reportagem, aumentando ainda mais o potencial de contaminação a partir da promessa de editores de fotos, horóscopo e wallpapers da vida animal.

O caso mais grave é o do PIP Pic Camera Photo Editor, que segue disponível e pode roubar as credenciais do Facebook dos usuários, com os números da loja oficial do Android mostrando uma marca de mais de um milhão de downloads. O mesmo também vale para o ZodiHoroscope, que dá previsões e exibe páginas falsas em nome da rede social para que a vítima insira suas informações de login.

Alguns dos apps falsos identificados em maio como portadores de vírus ladrões de dados ou que exibem anúncios indevidos; alguns, sozinhos, chegaram a um milhão de downloads (Imagem: Reprodução/Dr. Web)

De acordo com o estudo do Dr. Web, os vírus ladrões de dados foram a ameaça mais presente no ecossistema do Android em maio, ao lado dos adwares. Essas pragas exibem anúncios onde eles não deveriam existir ou substituem propagandas legítimas, com toda a renda obtida pelas visualizações indo para o bolso dos criminosos. Dos cinco apps que seguem disponíveis na loja oficial, dois agem dessa forma, com um deles, o Wild & Exotic Animal Wallpaper, chegando a mudar de nome no sistema para evitar detecção e desinstalação.

Outros aplicativos já removidos do marketplace oficial incluem jogos de corrida, sistemas que prometem recuperar imagens e vídeos apagados e até um app que anunciava acesso gratuito a conteúdos adultos da plataforma OnlyFans. Enquanto as ameaças já foram retiradas do ar, quem as instalou pode ainda estar em perigo.

O malware Android.Spy.4498, que rouba dados, ainda foi a ameaça mais frequente contra o sistema operacional em maio, ainda que sua disseminação tenha caído 13,4%. Por outro lado, o Dr. Web registrou crescimento do Android.HiddenAds, que como o nome indica, exibe anúncios fraudulentos e aumentou sua presença em 13,5%, ocupando a segunda e a terceira colocações com duas variantes.

Abaixo está a lista de apps encontrados pela pesquisa, que registrou os adwares na Play Store. Embora muitos tenham sido removidos da loja do Google, bastante gente ainda pode tê-los instalados no celular. Se for o seu caso, remova-os imediatamente:

  • PIP Pic Camera Photo Editor
  • PIP Camera 2022
  • Camera Photo Editor
  • Light Exposure Photo Editor
  • ZodiHoroscope - Fortune Finder
  • Magnifier Flashlight
  • Wild & Exotic Animal Wallpaper
  • SIM Tool Kit
  • Driving Real Race
  • Only Fans App OnlyFans Android

Como se proteger contra apps falsos no Android

Prestar atenção nas páginas de download, antes de clicar para instalar, é o melhor caminho para proteção. Os comentários, normalmente, são suficientes para indicar o perigo, já que muitos desses apps não cumprem o que prometem enquanto realizam a infecção. Manter antivírus e softwares de segurança instalados e atualizados no celular também ajuda a identificar as ameaças mais comuns.

Por fim, o ideal é sempre procurar soluções de desenvolvedores reconhecidos, desconfiando de soluções cadastradas recentemente na Play Store ou que prometam acesso gratuito a plataformas ou serviços pagos. Na dúvida, evite baixar e instalar a aplicação.

Fonte: Dr. Web

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.