Publicidade

Vacina do HPV | Veja quem pode tomar o imunizante no SUS

Por| Editado por Luciana Zaramela | 08 de Julho de 2022 às 14h17

Link copiado!

FabrikaPhoto/Envato
FabrikaPhoto/Envato

O Sistema Único de Saúde (SUS) ampliou o uso da vacina contra o papilomavírus humano (HPV4). Agora, pessoas imunossuprimidas de até 45 anos podem receber o imunizante, de forma gratuita. A medida beneficia indivíduos que passaram por transplantes de órgãos, vivem com HIV ou tratam algum tipo de câncer.

A ampliação do acesso ao imunizante do HPV foi anunciada na quinta-feira (7) pelo Ministério da Saúde. Segundo a pasta, o esquema vacinal contra o vírus será de três doses, independente da idade do paciente.

Continua após a publicidade

Vale a pena tomar a vacina?

"A imunossupressão crônica é um dos principais fatores de risco para aquisição e persistência do HPV. Este também é um importante fator de risco para a progressão de lesões pré-cancerosas e neoplasias, especialmente em pessoas vivendo com HIV/Aids, transplantados de células tronco-hematopoiéticas e órgãos sólidos e indivíduos em tratamento para câncer (radio e/ou quimioterapia)", afirma a Saúde, em comunicado.

Nesse sentido, o acesso à vacina do HPV é importante, já que cerca de 700 mil casos novos da doença são identificados todos os anos no Brasil. Além disso, o risco de desenvolvimento de cânceres associados ao vírus é cerca de quatro vezes maior entre pessoas que vivem com o HIV e transplantados, do que na população sem a doença ou transplante.

Quem pode se imunizar contra o HPV no SUS?

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Após a última atualização da Saúde, três grupos de indivíduos podem se imunizar contra o HPV, de forma gratuita, no SUS. A seguir, confira quais são:

  • Meninas de 9 a 14 anos;
  • Meninos de 11 a 14 anos;
  • Homens e mulheres imunossuprimidos, de 9 a 45 anos, que vivem com HIV/aids, transplantados de órgãos sólidos ou medula óssea e pacientes oncológicos.

Quem já se infectou por algum tipo pode se vacinar?

Continua após a publicidade

Vale explicar que, mesmo pessoas, que já contraíram alguma forma de HPV, devem se imunizar, caso se encaixem nos critérios do SUS, já que a fórmula é tetravalente. Nas redes sociais, o infectologista Vinícius Borges lembra: "Nem sempre você sabe qual [tipo] teve, e ela [a vacina] protege contra quatro tipos (6, 11, 16 e 18)". Além disso, o médico acrescenta que a vacina "pode ter proteção cruzada para outros subtipos também". "É segura e não causa recidiva ou agravamento da doença", completa.

Fonte: Agência Brasil e Ministério da Saúde