Salmonela no chocolate Kinder Ovo: Anvisa recebe alerta, mas não há risco no BR

Salmonela no chocolate Kinder Ovo: Anvisa recebe alerta, mas não há risco no BR

Por Fidel Forato | Editado por Luciana Zaramela | 14 de Abril de 2022 às 14h20
Dima Solomin/Unsplash

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu, nesta quinta-feira (14), um alerta sobre surto de Salmonella typhimurium após o consumo de chocolates da marca Kinder Ovo. A notificação foi enviada pela Rede Internacional de Autoridades de Segurança Alimentar (Infosan).

De acordo com a Infosan, o Brasil não está incluído na lista de países para os quais o produto foi distribuído e, por isso, não há risco para os consumidores nacionais. Apesar disso, “a Anvisa segue o monitoramento do caso junto à empresa e acompanha as informações veiculadas por outras autoridades internacionais”, informa, em comunicado.

Anvisa recebe alerta internacional sobre casos de salmonela associados ao chocolate Kinder Ovo (Imagem: iLexx/Envato Elements)

Entenda a questão da salmonela

Casos de salmonela foram associados ao consumo de chocolates da empresa Ferrero, fabricados na Bélgica e distribuídos para diferentes países, na última semana. Vale lembrar que a bactéria, segundo o Ministério da Saúde, "causa intoxicação alimentar e em casos raros, pode provocar graves infecções e até mesmo a morte". Os pacientes relatam, na maioria das vezes, diarreia e vômitos.

A transmissão ocorre com a ingestão de alimentos contaminados com fezes de animais, por exemplo, de galinhas. Por isso, a doença é bastante associada aos ovos naturais e seus derivados, como maionese caseira. No entanto, casos podem ser relacionados com alimentos processados pela indústria alimentícia, como é a situação do Kinder Ovo.

Kinder Ovo não é risco para o Brasil

Após o incidente, representantes da Ferrero no Brasil enviaram comunicado oficial à Anvisa. No texto, a equipe informa que a contaminação ocorreu na fábrica em Arlon, na Bélgica, e que as operações do local já foram suspensas.

Inclusive, a empresa está recolhendo os produtos em todos os países de destino. No entanto, a contaminação não atinge o chocolate Kinder Ovo, comercializado no Brasil.

Quais produtos são recolhidos?

De forma preventiva, a Anvisa compartilha a lista de produtos da marca que são produzidos na fábrica Belga. A seguir, veja quais são:

  • Kinder Surprise Maxi 100 g;
  • Kinder Surprise 1 x 20 g;
  • Kinder Surprise 3 x 20 g (60 g);
  • Kinder Surprise 4 x 20 g (80 g);
  • Kinder Schokobons WHITE 200 g;
  • Kinder Schokobons 200 g;
  • Kinder Schokobons 125 g;
  • Kinder Schokobons 300 g;
  • Kinder Mix Peluche 133 g;
  • Kinder Mix Advent Calendar 127 g;
  • Kinder Mini Eggs Hazelnut 100 g;
  • Kinder Mini Eggs Mix 250 g;
  • Kinder Happy Moments 162 g.

Fonte: Agência Brasil e Ministério da Saúde   

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.