Os Vingadores têm hábitos saudáveis? Estudo diz como seria a velhice dos heróis

Os Vingadores têm hábitos saudáveis? Estudo diz como seria a velhice dos heróis

Por Nathan Vieira | Editado por Luciana Zaramela | 17 de Dezembro de 2021 às 16h53
Marvel Studios

Como você acha que os heróis da Marvel são de saúde? Teriam eles uma velhice tranquila ou cheia de doenças? Pode parecer um questionamento estranho, mas uma equipe de pesquisadores da The Queensland University (Austrália) fez uma avaliação do condicionamento físico de alguns dos famosos Vingadores, em um estudo publicado na última segunda-feira (13) na revista científica BMJ.

Para responder à questão, os pesquisadores analisaram todos os filmes do MCU lançados entre 2008 e 2021 e compararam estilos de vida, traços de personalidade e comportamentos dos personagens, levando em conta fatores como atividades físicas, alimentação, o consumo de álcool ou tabaco.

Com isso em mente, o grupo percebeu que Viúva Negra, Pantera Negra e Homem-Aranha mostraram hábitos saudáveis relacionados à redução do risco de demência, que poderiam proporcionar mais saúde em idades mais avançadas.

“Os heróis mostraram uma resiliência psicológica e todos, com exceção do Thor e do Homem de Ferro, evitam fumar e beber, apresentando comportamentos associados a uma vida mais longa e envelhecimento saudável”, apontam os pesquisadores. O artigo ainda menciona que o vegetarianismo de Pantera Negra colaboraria para essa longevidade.

Estudo diz como seria a velhice dos Vingadores, com base em seus hábitos (Imagem: Divulgação/Marvel)

Quais doenças poderiam impactar os Vingadores no futuro?

De acordo com o estudo, a exposição repetida a ruídos altos, poluição e múltiplos ferimentos na cabeça poderiam significar maior risco de demência. Os cientistas avaliam que o Hulk teria maior risco de doenças crônicas, considerando seus problemas cardíacos, o alto índice de massa corporal e o estresse constante.

Enquanto isso, a Viúva Negra teria um risco maior de doenças mentais a longo prazo por conta dos traumas de seu passado. Além disso, Natasha foi esterilizada à força para que uma família não a distraísse de sua missão como espiã. Segundo o artigo, isso poderia causar doenças cardiovasculares, demência, depressão e osteoporose.

O estudo faz um alerta de que, por passar muitas noites lutando contra o crime, o Homem-Aranha provavelmente não dormia de 8 a 10 horas por noite, conforme recomendado para adolescentes de sua idade, o que poderia levar à obesidade e problemas de saúde mental no futuro.

Fonte: BMJ via The University of Queensland

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.