O que acontece com o coração durante um ataque cardíaco?

O que acontece com o coração durante um ataque cardíaco?

Por Nathan Vieira | Editado por Luciana Zaramela | 17 de Março de 2022 às 08h30
AtlasComposer/Envato

Segundo o Ministério da Saúde, o ataque cardíaco (também conhecido como infarto agudo do miocárdio) é a maior causa de mortes no país, com direito a 300 mil a 400 mil casos anuais — uma morte para cada 5 diagnósticos. O atendimento imediato pode ser fundamental para salvar uma vida, por isso, entender o que acontece com o coração durante um ataque cardíaco é de extrema importância.

O que é um ataque cardíaco

É importante entender o que acontece com o coração durante um ataque cardíaco (Imagem: LightFieldStudios/envato)

Segundo o CDC (agência de saúde dos EUA), o ataque cardíaco é a consequência da interrupção do fluxo sanguíneo, ou seja: acontece quando uma parte do músculo não recebe sangue suficiente. Com isso, quanto mais tempo passa sem tratamento para restaurar o fluxo sanguíneo, maior o dano ao músculo cardíaco.

O músculo do coração precisa de um suprimento constante de sangue rico em oxigênio, e são as artérias coronárias que fornecem esse suprimento sanguíneo crítico. Alguns fatores (como gordura, cálcio, proteínas e até determinadas células) podem fazer com que essas artérias fiquem estreitas, impedindo o sangue de fluir tão bem quanto deveria.

Com essa dificuldade no fluxo sanguíneo, o músculo cardíaco precisa de um esforço extra para funcionar, o que gera a dor no peito, um dos primeiros sinais do ataque. Dito isso, os principais sintomas são:

  • A já mencionada dor no peito
  • Sensação de fraqueza
  • Tontura
  • Desmaio
  • Dor na mandíbula
  • Dor no pescoço
  • Dor nas costas
  • Dor nos braços ou ombros
  • Falta de ar

A cada minuto após um ataque cardíaco, mais tecido cardíaco se deteriora ou morre, então restaurar o fluxo sanguíneo rapidamente ajuda a conter os danos ao coração. Para isso, costuma-se usar trombolíticos, medicamentos que ajudam a dissolver o coágulo de sangue que está bloqueando o fluxo.

Como prevenir um ataque cardíaco

Alguns hábitos ajudam a prevenir ataque cardíaco (Imagem: Jesse Orrico/Unsplash)

Várias condições de saúde e do estilo de vida podem aumentar o risco de doenças cardíacas e ataques cardíacos. Entretanto, alguns fatores de risco não podem ser controlados, como a idade ou histórico familiar. A prevenção envolve a adoção de hábitos mais saudáveis, como:

  • Cuidar da alimentação
  • Fazer exercícios físicos
  • Parar de fumar
  • Controlar a hipertensão
  • Controlar o colesterol
  • Realizar consultas no médio com frequência

Fonte: Mayo Clinic, WebMD, CDC

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.