Publicidade

Dia mundial do gato | 5 curiosidades intrigantes sobre os felinos

Por| Editado por Luciana Zaramela | 17 de Fevereiro de 2023 às 16h56

Link copiado!

sergeyskleznev/envato
sergeyskleznev/envato

Nesta sexta-feira (17), comemoramos o dia mundial do gato. E nada melhor para relembrar as curiosidades científicas que já conseguimos reunir aqui no Canaltech, a respeito desses felinos tão amados.

5. O gato mais velho do mundo

A expectativa de vida de um gato depende de muitos fatores, incluindo saúde, dieta e ambiente, mas se estiver se perguntando quanto tempo vive um gato doméstico, podemos estimar que é de 12 a 14 anos, em média. Vale ressaltar que a raça também é frequentemente considerada um fator na determinação desse cálculo.

Continua após a publicidade

O recorde mundial do gato mais velho é de Crème Puff, do Texas (EUA), que viveu até os 38 anos e três dias, a maior longevidade de qualquer gato doméstico conhecido!

4. Gatos entram em "qualquer lugar"

Sabe como os gatos conseguem entrar em espaços tão pequenos? A chave para essa capacidade dos gatos de se infiltrar em pequenos lugares como fluidos através de pequenas lacunas é sua cintura escapular. Nos humanos, a cintura escapular é composta pelas omoplatas e as clavículas, mas as omoplatas dos gatos estão presas ao resto do corpo apenas por músculos e não por ossos.

O mesmo vale para as clavículas, que também são muito menores em comparação com o resto do corpo felino. Essas características anatômicas ajudam os gatos a se espremerem através de aberturas apertadas.

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

3. A primeira domesticação de gatos foi há 10 mil anos

Cientistas da Universidade de Missouri analisaram 200 marcadores genéticos diferentes para descobrir que a primeira domesticação de gatos foi há pelo menos 10 mil anos, quando mudamos de caçadores-coletores para fazendeiros sedentários. Ao contrário de outros animais, os felinos se adaptaram uma única vez ao nosso convívio, se espalhando pelo mundo conosco e trazendo sua habilidade de controle de pragas, como os roedores, desde as primeiras civilizações.

2. É quase impossível se esconder de um gato

Continua após a publicidade

Segundo um estudo da Universidade de Kyoto (Japão), os gatos domésticos criam "mapas mentais" que mostram onde os humanos próximos estão localizados, com base na origem dos sons. Isso quer dizer que esses animais têm a capacidade de se orientar no espaço através do som.

1. Soltar pelo faz bem!

Sabe por que gatos soltam pelos? A queda constante de folículos pilosos ajuda a remover os pelos mortos e a liberar óleos naturais na pele. Além disso, se os pelos mortos não forem removidos, pode ocorrer irritação da pele. A queda de pelos também pode ser considerada um mecanismo de defesa, mas vale se atentar a outro fator que influencia essa consequência: o estresse.

Fonte: The Vets of East TexasLive ScienceHeredity