Coronavírus | Vacina desenvolvida em Oxford apresenta eficácia em macacos

Por Nathan Vieira | 15 de Maio de 2020 às 19h00
Pixabay

Cientistas da Universidade de Oxford, no Reino Unido, estão desenvolvendo uma vacina contra o coronavírus, e ela se apresentou eficaz ao ser testada em seis macacos. Os resultados promissores levaram ao início de testes em humanos no final do mês passado. 

Segundo o relatório, alguns dos macacos que receberam uma única injeção da vacina desenvolveram anticorpos contra o vírus em 14 dias, e todos desenvolveram anticorpos protetores em 28 dias, antes de serem expostos a altas doses do vírus. Após a exposição, a vacina pareceu impedir danos aos pulmões.

Embora o sucesso em macacos seja visto como um passo fundamental, muitas vacinas que protegem primatas no laboratório acabam falhando em proteger seres humanos. No mês passado, os pesquisadores britânicos começaram a administrar doses em voluntários humanos, e em 13 de maio, 1.000 pessoas receberam a vacina, de acordo com os pesquisadores.

Inúmeras instituições estão investindo pesado no desenvolvimento de vacinas para conter a pandemia de coronavírus (Foto: Reprodução)

Mundialmente, existem inúmeras vacinas experimentais em desenvolvimento para combater o coronavírus. As instituições estão investindo todas as suas forças para conter essa pandemia, afinal de contas, e uma vacina que proteja as pessoas do coronavírus pode acabar com a pandemia, mas encontrar uma que funcione no organismo humano e fabricar doses suficientes é um enorme desafio. Normalmente, pode levar até 10 anos para desenvolver uma vacina funcional, mas a urgência da pandemia resultou em cronogramas acelerados, e alguns funcionários estimam que uma vacina funcional pode estar disponível para uso emergencial em breve, ainda este ano.

A China também vem mostrando progresso nas pesquisas de desenvolvimento de vacina contra a COVID-19, com cinco possibilidades que já estão sendo testadas em humanos, além de outras que ainda podem ser aprovadas no mês que vem.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.