Com 60 milhões de casos da COVID, mundo registra maior número diário de mortes

Com 60 milhões de casos da COVID, mundo registra maior número diário de mortes

Por Fidel Forato | 25 de Novembro de 2020 às 18h05
Fernando Zhiminaicela/Pixabay

Na quarta-feira (24), o mundo registrou um novo recorde diário de mortes causadas pelo coronavírus SARS-CoV-2 e, assim, o número total de óbitos ultrapassou a marca de 1,4 milhão, segundo dados levantados pela universidade norte-americana Johns Hopkins. Nas últimas 24h, foram 12.785 mortes pela COVID-19. O último recorde foi registrado na sexta-feira passada (20), quando 11.840 pessoas foram a óbito.

Além da marca alcançada ontem em relação à pandemia da COVID-19, foram 11 mil vítimas fatais do novo coronavírus, registradas por quatro dias seguidos, na semana passada, segundo o balanço da universidade. Nos últimos 23 dias, a plataforma da COVID-19, desenvolvida pela Johns Hopkins, contabilizou 200 mil novas mortes.

Vale lembrar que a instituição de ensino e pesquisa mantém um painel virtual, atualizado em tempo real, que monitora o avanço da pandemia em todo o mundo. A plataforma é abastecida com dados oficiais, como atualizações da Organização Mundial da Saúde (OMS), e podem ser revisados.

Planeta registra recorde de novos casos da COVID-19 e chega a 60 milhões de contaminados (Imagem: Reprodução/ Universidade Johns Hopkins)

Países com mais óbitos da COVID-19 

Nos últimos dias, os EUA ultrapassaram 250 mil mortes em decorrência da COVID-19, o Brasil atingiu a marca de 170 mil óbitos e o México se tornou o quarto país do mundo a registrar mais de 100 mil vítimas fatais do coronavírus. A seguir, confira a lista dos 10 países que mais concentram óbitos pela infecção no planeta:

  1. Estados Unidos: 260,8 mil mortes;
  2. Brasil: 170,1 mil mortes;
  3. Índia: 134,6 mil mortes;
  4. México: 102,7 mil mortes;
  5. Reino Unido: 56,6 mil mortes;
  6. Itália: 52 mil mortes;
  7. França: 50,3 mil mortes;
  8. Irã: 46,2 mil mortes;
  9. Espanha: 44 mil mortes;
  10. Argentina: 37,4 mil mortes.

Onde estão concentrados os casos de coronavírus?

Em casos da COVID-19, as autoridades de saúde já somam 60,1 milhões de casos da infecção por coronavírus, segundo as informações levantadas pela Johns Hopkins. No total, 191 países já notificaram algum caso da infecção desde o aparecimento do vírus. A seguir, confira os países que mais registraram doentes, desde o aparecimento do coronavírus:

  1. Estados Unidos: 12,6 milhões de casos;
  2. Índia: 9,2 milhões de casos;
  3. Brasil: 6,1 milhões de casos;
  4. França: 2,2 milhões de casos;
  5. Rússia: 2,1 milhões de casos;
  6. Espanha: 1,6 milhão de casos;
  7. Reino Unido: 1,5  milhão de casos;
  8. Itália: 1,4  milhão de casos;
  9. Argentina: 1,3  milhão de casos;
  10. Colômbia: 1,2  milhão de casos.

Em outras palavras, a pandemia da COVID-19 segue avançando. Diante desse cenário, é importante o rastreio pessoas infectadas com o coronavírus e o isolamento desses casos para evitar o contágio. Além disso, medidas de proteção contra a infecção seguem necessárias, como uso de máscaras ao sair de casa e a limpeza constante das mãos com álcool em gel ou água e sabão, por exemplo.

Fonte: Universidade Johns Hopkins via G1  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.