Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Após soro de leite, "pó para preparo sabor café" vira polêmica nas redes sociais

Por| Editado por Luciana Zaramela | 30 de Agosto de 2022 às 16h15

Link copiado!

 ijeab/envato
ijeab/envato

É bem possível que você tenha visto a polêmica dos produtos que não são o que parecem ser (como o soro de leite, em vez de leite, e o composto lácteo, em vez de leite condensado) tomando conta das redes sociais. Nesta semana, a lista desses produtos ganhou mais um integrante: o pó para preparo de bebida sabor café.

O produto da marca Pingo Preto ganhou a atenção dos internautas depois de ser colocado à venda na Amazon. De acordo com o Grupo Jurerê, dono da marca, o item é regulamentado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), e teve seu rótulo enviado para verificação junto à Diretoria de Vigilância Sanitária antes do início da produção do produto final.

Dentre os ingredientes, constam café tradicional torrado e moído, polpa de café e aromatizante, e por conta de seu título, o produto foi apelidado de "cafake".

Continua após a publicidade

A empresa diz, em comunicado feito à Folha de S. Paulo, que o produto tem "seu rótulo claro quanto à denominação de produto e composição do mesmo, com informações no padrão exigido pela legislação nacional, com letras do mesmo tamanho, sem destaque para expressões isoladas, o que de nenhuma forma caracteriza confusão ao consumidor." Em resposta à situação, o Procon de São Paulo deve notificar o Grupo Jurerê para prestar esclarecimentos.

Anteriormente, os usuários do Twitter já tinham destacado questões como a embalagem da marca Moça, conhecida pelo leite condensado, com o rótulo apontando "mistura láctea condensada de leite, soro de leite e amido":

Fonte: Folha de S. Paulo