Publicidade

Cão-robô quebra recorde na corrida robótica de 100 metros

Por| Editado por Luciana Zaramela | 14 de Dezembro de 2023 às 11h51

Link copiado!

Rawpixel.com/Freepik
Rawpixel.com/Freepik

Nesta semana, o cão-robô Hound, desenvolvido por engenheiros sul-coreanos, entrou para o Guinness World Records. A potente máquina quadrúpede correu 100 metros em menos de 20 segundos, garantindo temporariamente o seu lugar no pódio mundial.

O robô de quatro “patas” percorreu os 100 metros da prova em 19,87 segundos, o que equivale a uma velocidade média de 5 metros por segundo. Até o momento, a equipe do Guinness não divulgou qual foi o recorde anterior entre os quadrúpedes. Por exemplo, um bípede já fez esta prova em 25 segundos.

A seguir, assista à corrida histórica do cão-robô, divulgada nas redes sociais:

Continua após a publicidade

Vale lembrar que, por enquanto, as máquinas ainda estão mais lentas que os humanos. Detentor do recorde atual desde 2009, o corredor jamaicano Usain Bolt percorreu a prova de 100 metros rasos em impressionantes 9,58 segundos. Na prova de 200 metros, o seu recorde é de 19,19 segundos.

O cão-robô Hound

Hound, o cachorro-robô recordista, foi desenvolvido pelos engenheiros e designers do Laboratório Dinâmico de Controle e Design de Robôs, do Instituto Avançado de Ciência e Tecnologia da Coreia (KAIST), localizado na cidade de Daejeon, na Coreia do Sul.

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Para comparar a máquina de 45 kg com algo mais próximo e corriqueiro, é possível dizer que o cão-robô pesa o mesmo que um bulldog americano adulto. É literalmente um cachorro pesado. Por outro lado, foi projetado para ser muito mais rápido que seu companheiro canino.

Apesar do recorde na prova dos 100 metros, os desenvolvedores afirmam que o Hound pode ser muito mais veloz. “Na simulação, ele pode acelerar até velocidades ainda mais altas, mas ainda não o testamos no mundo real”, explica Young-Ha Shin, designer do robô, em comunicado. Desse jeito, é possível que, um dia, quebre o recorde de Usain Bolt.

Além de correr, o robô sul-coreano já foi testado em algumas situações adversas, como ao subir uma encosta bastante íngreme, caminhar por mais três quilômetros consecutivos e passar por cima de um obstáculo com 35 centímetros de altura.

Fonte: Guinness World Records