Twitter suspende novas verificações de perfis após entregar selo a contas falsas

Twitter suspende novas verificações de perfis após entregar selo a contas falsas

Por Alveni Lisboa | Editado por Douglas Ciriaco | 16 de Agosto de 2021 às 09h51
(Imagem: Divulgação/Twitter)

O Twitter anunciou uma nova suspensão do serviço de verificação de perfis da plataforma. A decisão chega pouco tempo após diversas denúncias de falhas na avaliação da rede, que concedeu o selinho azul para várias contas falsas e fora dos critérios estabelecidos.

Em anúncio na rede social, a equipe promete rever o processo de inscrição e revisão, mas sem citar o que motivou a decisão.

Esta é a terceira vez que a rede social interrompe seu programa de certificação de usuários, que oferece segurança ao confirmar a autenticidade das contas de artistas, personalidades, empresas e influenciadores digitais. Em 2017, houve a primeira suspensão após problemas relacionados a verificação da conta de uma personalidade da extrema direta (Jason Kessler) acusada de incentivar o movimento de supremacistas brancos em Charlottesville, nos Estados Unidos.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Após mais de 3 anos de hiato, a rede voltou com o processo em meados deste ano. Dessa vez, a promessa era de mais transparência e critérios claros utilizados para definir quem tinha direito ou não, mas, apenas uma semana depois, a rede suspendeu as solicitações devido ao volume de pedidos. Após a breve retomada, agora vem a nova interrupção no serviço, sem qualquer explicação mais aprofundada.

Prejuízo ao usuário

Essa rotina de iniciar e parar o programa de análise dos perfis causa transtorno para muita gente na plataforma. Muitas empresas e personalidades necessitam do selo para comprovar a sua identidade, o que evita a atuação de fakes e clones criados com intuito de prejudicar a imagem, aplicar golpes e roubar dados de clientes.

Veja o exemplo de contas falsas que foram autorizadas pela rede social do passarinho:

O problema é que muitos perfis enquadrados tiveram pedidos negados, enquanto contas fake, criadas há poucas semanas e sem interações, conseguiram o selo. Isso colocou em xeque a lisura do processo e fez com que muita gente duvidasse de uma das promessas do Twitter, que era manter uma equipe humana e dedicada a fazer a análise das solicitações.

Qual a sua opinião sobre a nova suspensão do Twitter? Use o campo de comentários de forma respeitosa e argumente.

Fonte: Twitter  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.