Sundar Pichai, CEO da Google, vai depor em audiência no Congresso dos EUA

Por Natalie Rosa | 28 de Novembro de 2018 às 13h34
Wikimedia Commons
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

Já está marcada a data para a audiência de Sundar Pichai, CEO da Google, no no Congresso dos EUA: 5 de dezembro. O executivo vai responder a perguntas do Comitê Judiciário da Câmara do país, possivelmente com foco em acusações de preconceito político nos resultados de pesquisas e um mecanismo de busca chamado "Dragonfly" que a companhia estaria desenvolvendo para a China.

Esta não será a primeira vez em que Pichai viaja para a capital dos EUA para debater sobre o assunto, sendo que a foi uma reunião privada com legisladores republicanos. A audiência do dia 5, no entanto, será pública e também contará com a participação de Sheryl Sandberg, diretora de operações do Facebook, substituindo Mark Zuckerberg, e Jack Dorsey, CEO do Twitter.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, vem acusando a Google de reprimir notícias positivas sobre o seu governo e de não promover o seu discurso inaugural sobre o Estado da União, o que, na verdade, aconteceu.

Sobre o outro assunto, o retorno da Google à China é temido pela Casa Branca, grupos de direitos humanos e pelos funcionários da própria empresa. Pichai já comentou que esses planos ainda são muito preliminares e que é importante explorar a importância do mercado chinês devido à quantidade de usuários que existe por lá.

Fonte: The Verge

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.