Na luta contra fake news, Facebook inaugura aba dedicada a conteúdo jornalístico

Por Rafael Arbulu | 25 de Outubro de 2019 às 09h06
Tudo sobre

Facebook

Saiba tudo sobre Facebook

Ver mais

Confirmando rumores veiculados nesta semana, o Facebook lançou nesta sexta-feira (25) a aba News (“Notícias”, no bom português) em seu aplicativo para smartphones e na interface web. Inaugurada em caráter de testes inicialmente apenas nos Estados Unidos, a novidade remunera empresas de mídia parceiras da rede social pelo licenciamento de seu conteúdo jornalístico.

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, deve formalizar a nova aba em evento ainda hoje, apresentado-a em conjunto com o CEO da Newscorp, Robert Thomson. A Newscorp é um dos maiores conglomerados de notícias do mundo, sendo dona de diversos veículos e divisões noticiosas, como a área de esportes da Fox e o jornal britânico Daily Mail, para citar alguns.

“As pessoas desejam e se beneficiam de experiências personalizadas no Facebook, mas nós sabemos que há reportagens que transcendem a experiência individual”, disse o Facebook em publicação em seu blog oficial, que também tem um vídeo de apresentação da nova função. “Nós queremos apoiar a ambos”.

Facebook estreou o serviço "Facebook News", onde reúne conteúdos jornalísticos de empresas parceiras em uma aba dedicada na navegação do usuário (Imagem: Divulgação/Facebook)
Novidade conta com diversas editorias de assuntos que podem ser curados de acordo com o interesse do usuário, criando uma experiência de leitura mais personalizada, promete a rede social (Imagem: Divulgação/Facebook)

A aba News terá curadoria de conteúdo similar ao que a Apple faz com o Apple News: moderadores humanos vão selecionar os conteúdos exibidos em uma série de categorias, sendo a principal delas a reunião das principais notícias do dia. Haverá também a personalização do conteúdo para o usuário com base em suas preferências de leitura, de modo a tornar a oferta de conteúdo mais pessoal. Diz o Facebook que seus moderadores (ou “curadores de conteúdo”, como a empresa se refere a eles) são totalmente independentes de qualquer intervenção editorial. A rede também publicou uma série de direcionamentos de curadoria para antecipar qualquer reclamação sobre preferências de conteúdo ou acusações de beneficiar pessoas ou grupos específicos.

Não muito diferente de qualquer publicação que você acessa internet afora, a aba de notícias do Facebook contará com diversas editorias, com notícias voltadas ao esporte, saúde, política e entretenimento, entre outras. Algumas das empresas parceiras incluem o jornal americano The New York Times, USA Today e o site Buzzfeed.

Ainda não há previsão de quando o serviço sairá da fase de testes para ser implementado em caráter definitivo e em outros países.

Fonte: Facebook

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.