Jack Dorsey vende primeiro tuíte da história como NFT por US$ 2,9 milhões

Por Felipe Ribeiro | Editado por Jones Oliveira | 23 de Março de 2021 às 12h43
Reprodução

O CEO do Twitter, Jack Dorsey, é um grande entusiasta de investimentos, principalmente com criptomoedas e demais transações eletrônicas, que estão em alta no mercado atualmente. Em um lance que mistura marketing e caridade, o executivo acabou de vender o primeiro tuíte da história, uma publicação feita em 21 de março de 2006, por 1.630 Ether, o equivalente a US$ 2,9 milhões

Essa transação foi feita pelo ativo digital token não fungível (NFT, em inglês) por meio de um link para o site de leilões e vendas Valuables. Nesse portal, os interessados podem dar lances ou, simplesmente, pagar o que o anunciante pede em determinado ativo ou produto. Um exemplo recente veio da banda Kings of Leon, que anunciou seu último álbum, When You See Yourself, como um ativo NFT.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

Esses ativos são armazenados no blockchain, a mesma tecnologia utilizada por criptomoedas como o próprio Ether e o Bitcoin. À venda desde o dia 5 de março, o primeiro tuíte da história, exatamente este feito por Dorsey, pode tornar esse tipo de movimentação ainda mais popular.

Dorsey, por meio de sua conta oficial, já anunciou que os valores, que foram convertidos em bitcoins, foram doados ao GiveDirectly, na África, nesta segunda-feira (22).

Fonte: CNET

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.