Publicidade

Facebook e Messenger ganham bate-papo de comunidade no Brasil

Por| Editado por Douglas Ciriaco | 15 de Fevereiro de 2023 às 08h27

Link copiado!

Divulgação/Meta
Divulgação/Meta
Tudo sobre Facebook

A Meta anunciou o lançamento dos Bate-papos da Comunidade no Facebook e no Messenger no Brasil. O recurso funciona como as comunidades do WhatsApp, porém voltada para conversas feitas pela rede social e pelo mensageiro.

O recurso oferece suporte a interações por texto, áudio e vídeo. Administradores poderão iniciar conversas sobre determinado tópico e solicitar respostas instantâneas, sem depender do engajamento das postagens.

Continua após a publicidade

Além disso, os desenvolvedores prometem facilitar a navegação ao centralizar tudo em um só bate-papo, em vez de precisarem rolar a tela na busca do tópico desejado. Dá para criar, por exemplo, uma categoria com notícias recentes a fim de trazer sempre informações em primeira mão sobre a sua empresa. Em outra, pode-se pedir recomendações de presentes para uma confraternização.

Os Bate-papos da Comunidade também permitem a construção de canais de áudio para até 30 membros. A ideia é semelhante a Clubhouse e Twitter Spaces, com a possibilidade de interagir ao vivo com os participantes e responder comentários. Funciona como uma live de voz, porém restrita aos integrantes daquele grupo.

O que são os Bate-papos da Comunidade?

O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Segundo a empresa, a ferramenta chega como uma "nova maneira de se conectar" com pessoas que compartilham os mesmos interesses. A ideia é transportar o conceito dos posts de Grupos do Face para conversas mais diretas, com interações em tempo real das pessoas.

O recurso também contará com ferramentas mais robustas de gerenciamento para os admins botarem ordem nos recintos. É possível bloquear, silenciar ou suspender pessoas, bem como remover mensagens indesejadas. Gestores também poderão estabelecer regras para suspender automaticamente quem não se adequar e também dá para analisar mensagens denunciadas e restringir o envio de mensagens de quem já cometeu infrações antes.

Dados da Meta mostram que o Facebook alcançou a marca de 2 bilhões de usuários recentemente. Desse total, 123 milhões de usuários são brasileiros membros ativos de algum grupo do Facebook. Agora, a Meta tenta resgatar aquela que já foi sua principal rede social junto de um recurso tão interessante quanto os grupos.