Após ser hackeado, Jack Dorsey volta ao Twitter, ainda sem número de telefone

Por Nathan Vieira | 05 de Setembro de 2019 às 21h30
Foto: Reprodução
Tudo sobre

Jack Dorsey

Saiba tudo sobre Jack Dorsey

No último dia 30, hackearam ninguém menos que o próprio CEO do Twitter, Jack Dorsey, e usaram o perfil do executivo para disseminar tuítes com conteúdos racistas. Esses tuítes maliciosos foram feitos via Cloudhopper, que é basicamente um serviço comprado pelo Twitter em 2010 em prol da melhoria de seus serviços via SMS. Frente a isso, na última quarta-feira (4), a empresa decidiu suspender temporariamente os recursos de tuitar via SMS.

Desde o dia em que a conta do executivo que possui 4,22 milhões de seguidores foi hackeada, Dorsey simplesmente sumiu da plataforma. Ele voltou nesta quinta (5) e trouxe alguns detalhes, como o fato de ainda não ter um número de telefone substituto.

Jack Dorsey, CEO do Twitter, retornou depois de ter sido hackeado, e ainda não recuperou o seu número de telefone

Em seu retorno, Dorsey inicialmente não entrou no assunto da invasão, apenas cumprimentou a cidade australiana que está visitando atualmente, Melbourne. O silêncio foi quebrado quando uma jornalista do The New York Times, Kate Conger, falou sobre a ausência do CEO do Twitter na rede social em questão. "Eu não vi você no site", disse Conger, sobre os vários dias em que Dorsey ficou "desaparecido" da rede. "Tive um problema com minha operadora", respondeu o CEO.

A troca de mensagens entre os dois não terminou por aí. A jornalista aproveitou para questionar: "Eu soube! Quanto tempo levou para recuperar seu número?", no que o Dorsey respondeu que ainda se encontrava sem um número.

Por enquanto, ainda não se sabe por quanto tempo o suporte a SMS para tuítes ficará suspenso. A equipe do Twitter só revelou que estava tomando a decisão por causa das vulnerabilidades que precisavam ser solucionadas pelas operadoras de celular. "Reativaremos isso em mercados que dependem do SMS para comunicação confiável em breve, enquanto trabalhamos em nossa estratégia de longo prazo para esse recurso", a empresa anunciou.

Fonte: Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.