Publicidade

Hulk conhece o verdadeiro poder de Thor em batalha épica — veja quem venceu

Por| 01 de Setembro de 2022 às 21h40

Link copiado!

Marvel
Marvel
Tudo sobre Marvel

Para os leitores veteranos dos quadrinhos, as tretas entre Thor e Hulk não são novidade, e várias vezes eles já mediram força, em confrontos que sempre acabaram “empatados”; ou que não deixaram muito claro quem foi o vencedor da batalha. Mas, desde que esse assunto passou a ser ainda mais recorrente entre as discussões de fãs que acompanham os filmes da Marvel, a editora tratou logo de promover uma trama que responde melhor quem dos dois é mais poderoso.

Atenção: contém spoilers de Hulk #8!

A “queda de braço” entre Thor e Hulk se tornou mais acirrada nos últimos anos, a partir das adaptações do Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês). No filme Vingadores, Hulk soca facilmente Thor, enquanto em Thor: Ragnarok, vemos o Deus do Trovão derrubando o Gigante Esmeralda, muito perto da vitória. E a rivalidade ficou ainda mais intensa quando a pergunta “quem é Vingador mais forte” pairou no ar em uma conversa com a inteligência artificial do Quinjet da equipe.

Continua após a publicidade

Pois bem, nos quadrinhos, a Marvel aproveitou a mudança de status quo de ambos, que estão muito mais poderosos, para fazer um confronto entre ambos e tirar essa dúvida — ou aumentá-la, dependendo do ponto de vista. Veja bem, atualmente, Thor é o rei de Asgard e está mais maduro, com habilidades que o permitiram matar Galactus sozinho; e Hulk acabou de passar pela “Fase Imortal”, sendo agora controlado por Bruce Banner, que fica em uma espécie de “sala de guerra” na mente do monstro, para impedir que o Gigante Esmeralda passe dos limites de selvageria.

No arco recente chamado Hulk vs. Thor: Banner of War, Thor descobre que o Hulk assassinou 17 pessoas em um bar no Texas, e decide parar com os rompantes de fúria do colega de equipe, de uma vez por todas. O Homem de Ferro, munido de uma armadura Celestial, chega a intervir, mas nem ele é páreo para essa treta descomunal.

Tudo fica ainda mais pesado quando Thor é contaminado pela Radiação Gama do oponente, e se torna tão selvagem e incrivelmente forte quanto o Hulk, que, por sua vez, é liberado a usar o Mjolnir, graças a um encantamento do espírito de Odin. O pai do Deus do Trovão faz isso porque vê seu filho perdendo controle, com o potencial de causar destruição sem precedentes.

Continua após a publicidade
O Canaltech está no WhatsApp!Entre no canal e acompanhe notícias e dicas de tecnologia

Ok, mas quem vence a luta entre Thor e Hulk?

Em Hulk #8, lançado recentemente, Bill Raio Beta reúne os melhores guerreiros asgardianos, temendo que Thor revele seu verdadeiro poder. Neste momento, percebemos que o Deus do Trovão nunca realmente mostrou a extensão de sua força, já que, depois de aprender na Terra lições de humildade, deixou para trás sua fúria e vontade de extravasar sua potência — ele passou a se conter, para deixar de alimentar sua vaidade; e realmente ser um herói.

Mas, na trama, sem esse filtro, consumido pela fúria gama e com sua força aumentada pela radiação, ele simplesmente arranca o braço do Hulk e as raízes da própria Árvore da Vida, Yggdrasil, sem muito esforço. Isso deixa bem claro que Thor, completamente descontrolado, tem o poder de ameaçar o universo inteiro e até a realidade dos Nove Mundos.

Continua após a publicidade

No final, Thor acaba voltando a si graças aos esforços conjuntos de Odin e Hulk, o que abre um raro momento de distração durante a batalha, o suficiente para que o Gigante Esmeralda descarregue todo o poder do Mjolnir em uma devastadora explosão sobre o Deus do Trovão.

Em seguida, Thor descobre que o Hulk não foi o responsável pelas mortes. E, depois de entender imenso esforço ininterrupto que Banner precisa concentrar para manter seu alter-ego sob controle, já que também compreendeu como a Radiação Gama pode consumi-lo, aceita a existência do Gigante Esmeralda, que é dado como morto e vai para o espaço após a luta épica.

Nesta batalha, podemos dizer que Thor “desistiu” da treta, enquanto Hulk saiu vitorioso, graças ao intelecto e ao controle de Banner, que agiu de forma estratégica ao lado de Odin — veja bem, o Deus do Trovão foi o desafiante, enquanto o Gigante Esmeralda provou seu ponto e mudou o pensamento do oponente sobre o que era acusado.

Continua após a publicidade

Contudo, analisando o contexto e o verdadeiro poder de Thor sendo revelado na trama, dá para afirmar que, se o Deus do Trovão realmente liberasse toda sua potência, o Gigante Esmeralda, mesmo em seu aspecto mais selvagem, teria perdido essa luta, principalmente se Odinson usasse também o seu martelo.