DC planeja um fim trágico para a Liga da Justiça nas HQs

DC planeja um fim trágico para a Liga da Justiça nas HQs

Por Márcio Padrão | Editado por Claudio Yuge | 26 de Janeiro de 2022 às 21h40
DC Comics

Todo leitor de quadrinhos de super-heróis lembra da Morte do Superman como um dos eventos mais impactantes (sob o ponto de vista midiático, pelo menos) da história da DC Comics, ali no distante janeiro de 1993. Mas a HQ Justice League nº 75, que será publicada em abril, já promete algo bem mais chocante.

Atenção: spoilers a seguir!

O escritor Joshua Williamson explicou à Entertainment Weekly como a edição vai acabar com a revista atual da Liga da Justiça e assassinar grandes personagens da DC em 19 de abril. Sim, ao que parece, membros fundamentais da icônica equipe morrerão nesta edição, que deve trazer os maiores super-heróis da DC caindo em uma batalha contra um inimigo imparável.

Do pouco que se sabe, será a Liga contra o Exército Negro em um multiverso morto. Superman, Batman, Mulher Maravilha, Lanterna Verde (John Stewart), Caçador de Marte, Gavião Arqueiro, Aquaman, Arqueiro Verde, Canário Negro e Zatanna embarcarão na missão, e apenas um voltará para contar ao resto do universo o que aconteceu.

"É muito sério", diz Williamson. "É uma oportunidade interessante para fazer isso no 30º aniversário de 'A Morte do Super-Homem', que aconteceu em Superman nº 75. Podemos pegar a Justice League nº 75 e fazer 'Morte da Liga da Justiça'. Queremos que as pessoas entendam que isso é sério e vai ter um grande impacto mais na frente no Universo DC." Abaixo, confira uma série de capas da edição.

Capa principal de Justice League nº 75 por Daniel Sampere e Alejandro Sánchez (Imagem: Reprodução/Entertainment Weekly)
Capa variante de Justice League nº 75 por Todd Nauck (Imagem: Reprodução/Entertainment Weekly)
Capa variante de Justice League nº 75 por Mikel Janin (Imagem: Reprodução/Entertainment Weekly)
Capa variante de Justice League nº 75 por Simone Di Meo (Imagem: Reprodução/Entertainment Weekly)
Capa variante de Justice League nº 75 por Dan Jurgens e Norm Rapmund (Imagem: Reprodução/Entertainment Weekly)

Williamson continua: "Eu me lembro da experiência de ler A Morte do Super-Homem e depois esperar na chuva pela minha cópia da edição 75. Acho que uma das razões para essa história ser tão poderosa foi que depois da história do Funeral para um Amigo, não havia quadrinhos do Super-Homem por três meses. Isso é parte do que nos levou a tomar a decisão de que esta é a última edição da Liga da Justiça. Mas três meses depois, ainda não haverá uma história em quadrinhos da Liga da Justiça. Vai demorar um pouco, e isso vai ser uma parte importante de como o Universo DC se parecerá depois desta história: não há Liga da Justiça."

"Vamos ver quais são as ramificações de perder a Liga da Justiça", diz Williamson. "Você vai ver como os novos heróis reagem, como alguns dos heróis que estão por aí há um tempo reagem, você vai ver como as pessoas comuns reagem a essa ideia da Liga da Justiça morrendo, e então você vai começar a ver como todos os vilões reagem. O que acontece quando eles sabem que a Liga da Justiça se foi?". Parece assustador, embora saibamos que super-heróis de HQs sempre dão um jeito de voltar à vida...

Fonte: Entertainment Weekly

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.