DC Comics vai mudar nome de Black Adam para… SHAZADAM! — é sério

Por Claudio Yuge | 04 de Fevereiro de 2021 às 19h40
DC

Quando a DC Comics anunciou o primeiro material promocional de sua nova fase, batizada de Infinite Frontier, um detalhe em especial chamou a atenção. Black Adam parecia ter o tom de pele branco e o visual mais semelhante ao de Shazam! do que exatamente de seu rival. Agora, postagens no 4chan apontam mesmo para uma mescla entre os dois, pelo menos no nome: acredite se quiser, a editora estaria mudando o nome do vilão/anti-herói para Shazadam! Isso mesmo SHAZADAM!

Embora as postagens nos fóruns do 4chan não sejam aquela maravilha no quesito confiabilidade, vários especialistas vêm dizendo que a fonte realmente seja próxima da DC Comics. Black Adam, criado por Otto Binder e C. C. Beck em 1945, é um dos mais conhecidos vilões da editora e sempre foi mais conhecido por antagonizar as tramas do Shazam! Contudo, recentemente, ele anda atuando mais como um anti-herói ultimamente, tentando proteger seu país, Kahndaq, como um ditador benevolente.

Imagem: Reprodução/DC Comics

E, aparentemente, em Infinite Frontier veremos ele caminhando entre os heróis, inclusive liderando a própria Liga da Justiça. Ou seja, Shazadam! está perto de fazer sua estreia no reboot da DC. Vale destacar que o filme de Black Adam, com Dwayne Johnson, deve explorar sua versão anti-heróica e tinha estreia marcada para 22 de dezembro deste ano. Mas como não ouvimos falar a respeito já há algum tempo e com o mundo ainda sofrendo com a pandemia, não dá para cravar se realmente chega em 2021.

Depois da estreias em março, segunda edição de Infinite Frontier só sai em julho 

E aqui uma informação curiosa: depois da edição número 0, que sai em março, a sequência só sai em Infinite Frontier #1, agendado para julho. Embora não haja confirmação oficial sobre isso, é bem possível que a DC Comics já comece a mostrar como vai funcionar seu Omniverso, que, basicamente, oferece aos autores e leitores a oportunidade de ler seus personagens em universos mais compactos, porém, conectados com a cronologia principal.

Imagem: Reprodução/DC Comics

Parece difícil de compreender, mas, na verdade, ela já começou a fazer isso com Future State, que estreou em janeiro. As revistas apresentaram um futuro em que outros personagens estão na posição de seus heróis em vilões mais icônicos, enquanto os originais mudaram seus papeis. Com Infinite Frontier, vamos ver como esses protagonistas começaram suas carreiras em aparições coadjuvantes.

E é bem possível que esse espaço entre março e julho seja utilizado para voltar às realidades apresentada em Future State. Assim, a editora vai contando as histórias desses personagens em diferentes perspectivas, que podem agradar tanto os novatos quanto os veteranos. Ainda não dá para saber ao certo se isso vai dar certo, mas é interessante ver a DC Comics finalmente buscando um reboot que não seja a mesma coisa de sempre ou apenas um remendo.

Fonte: Bleeding Cool

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.