Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Arlequina fica ainda mais letal ao ganhar poder incrível nas HQs

Por| 30 de Abril de 2024 às 18h20

Link copiado!

DC Comics
DC Comics

Harley Quinn nunca teve poderes, e, assim como aliados e inimigos de Batman, ela sempre se virou com astúcia e habilidades extremas de combate físico. Isso raramente a deixou em desvantagem perante meta-humanos ao seu redor, contudo, agora, Arlequina pode se gabar de ter um superpoder incrível.

Atenção para spoilers de Harley Quinn 2024 Annual #1!

Arlequina estreou como uma divertida menina-prodígio criminosa nas animações noventistas de Batman: A Série Animada, e, com o tempo, sua astúcia só cresceu, assim como suas habilidades de combate, que, atualmente, equivalem-se aos lutadores da BatFamília. Muitas de suas façanhas contra superseres surpreendem até mesmo os fãs do Homem-Morcego, e, agora, ela recebe um poder que a torna ainda mais letal.

Continua após a publicidade

Harley Quinn 2024 Annual #1, que chega às bancas gringas nesta terça-feira (30), apresenta a anti-heroína em um mistério de assassinato enquanto ela “tira férias” do estresse que passou nos últimos meses. Harley tem estado bastante ocupada com suas recentes aventuras multiversais.

Na prévia deste título, Arlequina se encontra com sua amada, a Hera Venenosa, que, ao se despedir enquanto Harley embarca em um cruzeiro, dá de presente para sua namorada um superpoder muito útil: com apenas um beijo de Pamela Isley, Harley passa a ter imunidade a diversas doenças comuns a longas estadias em barcos, como o norovírus e E. Coli.

Vale destacar que Harley já tinha desenvolvido imunidade às toxinas excretadas pela Hera Venenosa, mas, agora, essa habilidade foi ampliada. Embora heróis e vilões não sejam frequentemente infectados com doenças consideradas normais, exceto em raras ocasiões, ganhar um poder incrível como esse a torna uma oponente ainda mais letal.

Ter um sistema imunológico reforçado não significa que Harley terá um fator de cura ou uma defesa imbatível contra ataques venenosos, por exemplo. Entretanto, uma combatente tão habilidosa e astuta receber um poder como esse significa que ela terá uma vantagem a mais contra pessoas normais ou para se equiparar a superseres que também não precisam se preocupar com doenças.

E mais: para uma oponente astuta como a Arlequina, isso pode ser usado de forma tática e até pesar a seu favor nos detalhes que decretam uma vitória ou a levariam a uma derrota.