Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

S Pen | Por que existem tantas versões da caneta da Samsung?

Por| Editado por Léo Müller | 17 de Setembro de 2023 às 14h00

Link copiado!

Ivo Meneghel Jr/Canaltech
Ivo Meneghel Jr/Canaltech

A Samsung possui alguns modelos de celulares e tablets que contam com suporte para o uso de canetas digitais, as populares S Pen, como são chamadas as Stylus da marca. Mas, entre as linhas Galaxy S, Galaxy Z Fold e Galaxy Tab, existem diferentes modelos da caneta. Mas por que existem tantos modelos? Em que uma se difere da outra e para qual dispositivo cada uma delas é dedicado?

Em resumo, há quatro versões da S Pen: a para celulares, a de tablets, a da linha Z Fold, e a S Pen Pro, que é compatível com diversos tipos de aparelhos da Samsung.

S Pen para celulares e tablets

A S Pen para celulares é um modelo mais fino — desenvolvido para caber dentro de smartphones como o Galaxy S23 Ultra ou os aparelhos da linha Note — e, apesar de ser desenvolvida para eles, ela também funciona em tablets.

Continua após a publicidade

Este acessório é parte do kit do Galaxy S23 Ultra, S22 Ultra e Galaxy Note, mas também é compatível com o Galaxy S21 Ultra. No entanto, a S Pen para celulares precisa de carga para seu funcionamento e, por não ter um conector externo para isso, acaba não sendo muito útil o S21 Ultra, que não tem um slot próprio para ela.

Já a S Pen para tablets, que também faz parte do kit de diversos modelos da Samsung, não precisa de bateria. Seu funcionamento é direto e ela pode ser “anexada” magneticamente à traseira ou lateral dos dispositivos. Uma vantagem é que ela também pode ser usada em celulares compatíveis, como das linhas S e Note.

S Pen Fold Edition

A S Pen Fold Edition foi desenvolvida especialmente para os celulares dobráveis da Samsung, mais especificamente o Galaxy Z Fold 4 e Z Fold 5. Ela é feita com um material que permite a compatibilidade com a tela flexível dos aparelhos — tanto para ser reconhecida devidamente, quanto para não estragar a tela, que é mais sensível.

Assim como a de tablets, a S Pen do Fold também não precisa de bateria para seu funcionamento, mas tem um ponto negativo: ela não tem suporte para ações suspensas, que permite o controle de funções por gestos, sem encostar no display.

É importante destacar que ela não funciona em outros tipos de aparelhos, como celulares comuns ou tablets. Da mesma forma, a S Pen para celulares e tablets não funciona em um Z Fold, por conta da tecnologia da tela.

S Pen Pro

Continua após a publicidade

Por fim, o modelo mais avançado é a S Pen Pro, com um corpo maior, ela é compatível com celulares, tablets e até com a linha Z Fold. Para esta última, ela conta com um switch, que permite alternar entre o modo comum e o modo Fold.

A S Pen Pro precisa ser recarregada, mas isso pode ser feito por USB-C — o que facilita seu uso em modelos que não tem slot para ela, como o Galaxy S21 Ultra e o Z Fold. Outra vantagem é que ela tem suporte para ações suspensas, então os usuários de dobráveis também podem aproveitar esse recurso.