Análise | Foreo Luna 3 promete limpeza profunda da pele com pulsações T-Sonic

Por Natalie Rosa | 27 de Outubro de 2020 às 09h45

Dispositivos tecnológicos estão em tudo. Desde nas câmeras de dentro do seu carro, nos eletrodomésticos inteligentes, até na nova iluminação da sua casa controlada por uma Alexa, sempre trazendo facilidade no dia a dia e benefícios para o seus usuários. Há, inclusive, aparelhos dedicados à beleza e saúde da pele, que entram na categoria “beauty tech” e que chegaram relativamente há pouco tempo, mas conquistando adeptos de todo o mundo.

Estamos falando do dispositivo Foreo, que surgiu em 2013 e que, em poucos anos, cresceu com tanta velocidade que hoje é pioneira nos aparelhos de limpeza facial. A Foreo consiste em um aparelho vibratório que conta com dois lados para serem passados no rosto: um com cerdas de limpeza e outro com ondulações para a massagem facial.

O Canaltech recebeu um dos últimos lançamentos da companhia, o Luna 3, e nós testamos o aparelho para sentir na pele, literalmente, os seus efeitos. O valor do dispositivo é alto e não condiz com a realidade de muitos brasileiros, por isso já existem versões de outras marcas, inclusive genéricas, que podem ser encontradas em lojas de fabricação asiática por 10% do valor original, pelo menos. A Xiaomi, por exemplo, conta com um limpador facial que custa menos de R$ 200. Então, as expectativas para os testes foram bem altas.

(Imagem: Divulgação/Foreo)

O que o Foreo Luna 3 promete?

O Luna 3, de acordo com o site oficial, promete uma "limpeza a nível de SPA", deixando a pele limpa, claro, e com um brilho natural. "Não importa o quando demorado ou forte você esfregue com as suas mãos, o rosto nunca vai ficar tão limpo e macio como com o silicone macio do Luna 3 e suas pulsações T-Sonic", diz.

As pulsações T-Sonic consistem em uma tecnologia que atua nas camadas de pele, sendo o "T" da palavra uma abreviação de "transdermal". Atingindo as camadas da pele através dessas pulsações, que são 8 mil por minuto, a pele é limpa de forma profunda, mas de maneira leve e não-abrasiva.

O que fazem as pulsações T-Sonic?

  • Remoção de óleo de poros;
  • Eliminação de 99,5% da sujeira;
  • Eliminação de 98.5% de resíduo de maquiagem da pele;
  • Remoção de acúmulo de pele morta.

Como resultado, a pele deve ter a sua textura aprimorada, ficando mais uniforme e brilhante.

Por que o Luna 3 é melhor que o Luna 2?

A terceira versão do dispositivo Luna, em comparação com o seu antecessor, o Luna 2, traz os seguintes avanços, de acordo com o site oficial:

  • 30% a mais de pontos de contato que atingem os poros de forma mais profunda e limpa a pele melhor do que nunca;
  • 25% de pontos de contato mais macios, prometendo a "limpeza facial mais suave do universo";
  • 16 tipos de intensidade que permitem a ativação das pulsações T-Sonic ou as diminua;
  • 650 usos em um único carregamento.

Abrindo o Foreo Luna 3

O aparelho chega dentro de uma embalagem de plástico rígido, já mostrando como o produto é antes mesmo de ser aberto. O Canaltech recebeu o Luna 3 da cor rosa, versão dedicado para peles normais, mas também há as versões lilás para pele sensível e azul para peles mistas, além da cor preta para a pele masculina.

Ao abrir a embalagem, a Foreo acompanha um saquinho com um tecido elástico que parece impermeável e absorve somente uma parte da água que cai nele, e que é ideal para o transporte em viagens ou para deixar em cima de uma torneira. O produto vem ainda com um cabo USB para o carregamento, com uma das pontas em forma de pino para encaixar no aparelho e carregar na tomada, em um carregador portátil ou no computador, além de um QR Code para que ele seja desbloqueado, um mini manual em vários idiomas e um adesivo com um código de barras logo abaixo do aparelho.

O Luna 3 já veio carregado, então o cabo ainda não foi usado. A parte mais interessante desse produto de beauty tech é que ele é sincronizado com um smartphone, através do aplicativo oficial da empresa sueca. Ao fazer o download, você cria um breve cadastro e registra o seu aparelho no app nos seguintes passos:

  • Passo 1. Faça o download do aplicativo para Android ou iOS;
  • Passo 2. Crie uma conta ou faça o login;
  • Passo 3. Clique em “Adicionar dispositivo”, escolha o modelo da lista e, se for Bluetooth, pressione o botão da Foreo por cinco segundos para fazer a conexão. Se o dispositivo não contar com Bluetooth, basta clicar na sua imagem e inserir o número de série, que está no código de barras, manualmente ou escaneando com a câmera do celular.
(Captura de tela: Canaltech)

Com a Foreo conectada no aplicativo, ela já está pronta para usar. O teste foi feito com um Luna 3 normal, mas em uma pele sensível, sem acne, que faz pouco uso de maquiagem, com poros visíveis na região do nariz, que tem uma rotina organizada de skin care e que já é acostumada com uma versão genérica da Foreo, que custou R$ 29,90. A Luna 3 pode ser encontrada com valores entre R$ 1.039 a R$ 1.299. A integração foi feita com um iPhone XR.

Configurando o Foreo Luna 3

Antes de usar, você também pode configurar o app e o dispositivo com suas preferências de vibração. Na página inicial que exibe o Luna 3, existem quatro opções abaixo do botão “Começar”.

O primeiro, com símbolo de engrenagem, permite que você altere a intensidade das pulsações para cada parte do rosto: testa, lado esquerdo, queixo e lado direito. Você pode escolher a intensidade de 1 a 16, mas aqui foi deixado na metade, então em oito. Abaixo, você pode alterar o tempo da vibração em segundos, de 60 a 120. Antes de definir as configurações, clique em “Experimentar” para sentir como ficaram, e depois clique em “Feito”.

O segundo botão, que tem uma Foreo e uma lupa, serve para você encontrar o seu aparelho, caso ele esteja perdido. Então, clicando nele a vibração é ativada até que você o encontre e desative manualmente.

(Captura de tela: Canaltech)

O terceiro botão traz instruções de como começar, sendo crucial seguir as recomendações para obter o resultado desejado, que são:

  • Remover a maquiagem, umedecer a pele e aplicar um limpador facial;
  • Deslizar os filamentos da Foreo em movimento circular até que o temporizador desligue;
  • Enxaguar o aparelho e seguir com a rotina normal de skin care.
(Captura de tela: Canaltech)

O quarto botão traz opções de atendimento ao consumidor. Todo o processo de configuração é bastante intuitivo e não deve trazer confusão, mesmo que sejam dois aparelhos para comandar, um em cada mão.

Então, hora de seguir o passo a passo de uso.

Hora de usar!

A diferença já é gigantesca ao comparar as cerdas e todo o material que reveste a Foreo com o aparelho genérico. O Luna 3 tem formato oval, mas com a base reta para que seja posicionado de pé nas superfícies. As cerdas são pequenas, mas vão ficando mais grossas na ponta do topo, talvez para pegar cantos difíceis de serem alcançados, como abaixo das narinas.

(Imagem: Canaltech)

Antes de usar a Foreo, a pele recebeu base de alta cobertura, pó compacto, blush e iluminador, e foi limpa com água micelar e algodão, justamente para testar a eficácia da limpeza. Clicando em “Começar” no aplicativo, você pode alterar a intensidade de novo, caso queira, e no canto superior direito há a opção de espelhar a imagem, o que liga a câmera frontal para você se ver nas etapas do processo.

O limpador facial foi aplicado generosamente nas cerdas já umedecidas da Foreo. A primeira limpeza foi feita em 60 segundos e na intensidade 8, com o aplicativo direcionando para a seguinte sequência: parte superior do rosto, esquerda, parte inferior e direita. O aparelho não deve ser aplicado nas regiões dos olhos, que são bastante sensíveis. Como a maquiagem realmente estava pesada e uma aplicação de água micelar antes do uso da Foreo não foi o suficiente, ainda ficaram resíduos visíveis, então foi feita uma segunda limpeza com a Luna 3, mas depois de lavar o dispositivo e aplicar mais limpador facial. Lembrando que a maquiagem pesada foi aplicada propositalmente e de forma exagerada.

(Captura de tela: Canaltech)

Na segunda aplicação, a pele aparenta estar completamente limpa, mas como foi aplicado produto de limpeza facial em excesso, ficou uma leve sensação de repuxamento. No caso do uso após maquiagens pesadas, então a configuração pode ser alterada para 120 segundos, em vez de repetir o processo duas vezes, talvez, apenas higienizando o aparelho rapidamente na metade do tempo. Com a Luna 3 lavada, é hora de testar o recurso de massagem, com a ajuda de um sérum hidratante.

A massagem é feita em quatro etapas:

  1. Olhos e sobrancelhas, focando em três áreas do contorno do rosto: parte inferior do olho, têmporas e sobrancelha;
  2. Pescoço, para a revigoração da pele da área instantaneamente “com uma sensação refrescante de uma massagem relaxante;
  3. Contorno do rosto, que traz relaxamento para as maçãs do rosto e mandíbula, soltando a tensão pelo pescoço;
  4. Mandíbula, massageando ao pescoço e linha da mandíbula para uma “sensação calmante e revigorante proporcionada pelas pulsações T-Sonic.

As massagens são feitas com uma demonstração na tela, em vídeo, então basta seguir o que a voz da narração diz, com a parte de trás do dispositivo, com a pele limpa e seca. Na primeira massagem, nos olhos, a vibração fez com que o aparelho enroscasse no cabelo, o puxando, então é necessário que seja usada uma faixa que cubra também a parte do cabelo próximo às têmporas para evitar esse desconforto.

(Captura de tela: Canaltech)

Na massagem do pescoço, o procedimento parece mais agradável, mas somente nas laterais, já que a vibração, quando próxima ao centro do pesciço, traz a sensação de estrangulamento, o que não é muito cômodo. A massagem da mandíbula é a mais agradável e confortável que as duas anteriores, trazendo um relaxamento quase que instantâneo. Depois de três massagens seguidas, o rosto fica com uma sensação agradável de leve amortecimento. A quarta e última massagem também é mais leve e igualmente agradável, dando um fim ao processo.

A parte de trás da Foreo ficou com resíduos de maquiagem, então foi preciso fazer mais uma leve limpeza com algodão e água micelar antes de seguir com o restante da rotina de skin care. Neste caso, a aplicação de hidratante, protetor solar e água termal, para dessensibilizar a pele.

Conclusões

Como foi citado anteriormente, a pele testada é sensível e foi feita com a Luna 3 para peles normais. A aplicação de maquiagem foi intensa, justamente para verificar a efetividade de resíduos de maquiagem na pele após a sua remoção total. Então, após a aplicação de base de cobertura pesada, junto com pó compacto, blush e iluminador em pó, todo o processo se tornou uma leve agressão à pele com sensibilidade.

Com a remoção com a água micelar, que também tem função demaquilante, e a lavagem dupla com a Foreo Luna 3 para peles normais, o rosto ficou um pouco ressecado, com sensação de repuxamento e ardência no momento de aplicar os produtos de rotina. Porém, posteriormente, ao ser testada em uma pele sem maquiagem ou com o uso comum comum dela para o tipo de pele, que no caso seria apenas uma base de cobertura extremamente leve e corretivo, esses efeitos não aconteceram, muito pelo contrário, já apresentando uma limpeza visível, assim como a uniformidade no tom e maciez.

Após o processo agressivo, em 30 minutos a pele já havia recuperado o seu viço e maciez, também visíveis. Em comparação com o aparelho limpador genérico, seguindo todos os passos, não só a sensação é mais agradável devido à maciez das cerdas, como também o toque se tornou mais leve, resultado comum de qualquer pele que seja bem cuidada e hidratada. Talvez, para este caso, no entanto, o ideal seria o uso da Luna 3 para peles sensíveis, de cor lilás.

O modo massagem realmente é um diferencial, deixando uma sensação de alívio e redução da tensão, além de seus movimentos serem ideais para o estímulo da pele e da circulação, que fazem toda a diferença na saúde do órgão na região. Resumindo, os primeiros usos da Foreo tiveram resultados positivos visíveis, trazendo maciez, viço e luminosidade. Não é recomendada a remoção direta da maquiagem com o aparelho, visto que o uso por mais de dois minutos podem acabar trazendo irritabilidade.

Lembrando que a limpeza da pele deve ser feita diariamente, saindo de casa ou não, usando maquiagem ou não, uma vez que poeiras e outros resíduos ficam no ar e acumulam nos poros, provocando o entupimento e o surgimento excessivo de sebo, que acabam prejudicando a saúde da pele. Porém, como a Foreo faz também a função de esfoliação, o seu uso excessivo pode causar remover até o nível de oleosidade necessário para a pele, e acabar provocando o efeito rebote, trazendo o óleo excessivo que estaria sendo combatido. Dermatologistas recomendam o uso de três a quatro vezes por semana.

Em relação ao tamanho do produto, ele se encaixa bem na mão e torna a sua aplicação no rosto fácil. Como o uso com o aplicativo exige a visualização da tela do celular, é ideal que seja improvisado um apoio no local da aplicação para não cansar as duas mãos durante o processo de limpeza e massagem, evitando ainda quedas do aparelho ou que ele seja molhado.

O Luna 3 da Foreo continuará sendo testado e esta análise será atualizada com os resultados após quatro semanas seguidas de uso.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.