Conheça 3 apps para transmitir conteúdo para o seu Chromecast

Por Redação

Hoje em dia, grande parte dos televisores tem muito mais a oferecer do que apenas aquele seu canal favorito. Com as Smart TVs você pode acessar suas redes sociais, controlá-la por gestos e comandos de voz e utilizar diferentes tipos de aplicativos.

Acontece que há uma probabilidade grande de você ter investido uma boa quantia de dinheiro em um modelo que é inteligente, mas que ainda é novo e, por isso, ainda não vale a pena realizar a troca. Para situações como essa é que existe o Chromecast, um pequeno aparelho produzido pelo Google que mais parece um pendrive. Conectado a uma entrada HDMI da sua TV, ele faz a mágica de "transformá-la" numa Smart TV.

Dentre as inúmeras funcionalidades que o Chromecast adiciona à TV, a mais interessante é a capacidade de assistir a conteúdos do seu smartphone ou tablet diretamente na televisão - sem cabos e sem complicações. Levando isso em consideração, montamos uma lista com os aplicativos que você pode usar para gerenciar todos os seus arquivos multimídia de maneira eficiente e curti-los na telona da sua sala.

Plex

O Plex é um serviço que oferece um leque de benefícios para o usuário. Para começar, ao utilizar o software, você precisa acessar um servidor através do seu computador – tanto faz se é um desktop ou notebook, desde que ele esteja ligado durante a sua diversão. É lá que você vai guardar todos os seus arquivos, sendo possível salvar uma infinidade de filmes, vídeos e músicas para, então, reproduzi-los na TV via wireless.

Também é possível utilizar plug-ins para tornar o trabalho de busca mais simples e rápido, assim como também há a possibilidade de utilizar o seu smartphone ou tablet para controlar a reprodução de arquivos. Outra qualidade que merece ser mencionada é que o Plex converte seus dados para formatos lidos pelo Chromebook, de modo que não é preciso se incomodar com esse detalhe.

Por fim, vale citar o fato de que o Plex é capaz de sincronizar sua biblioteca com contas de armazenamento na nuvem e, assim, sempre se manter atualizado com os arquivos mais recentes.

AllCast

Com uma interface simples, o AllCast é capaz de enviar conteúdo multimídia para ser reproduzido no Chromecast sem grandes complicações e com poucos toques. Além disso, ele é capaz de se conectar a outros serviços, como o Google+, Dropbox e Google Drive, para exibir seu conteúdo na telona.

Simples para quem deseja apenas consumir o conteúdo, o AllCast é para aqueles que não gostam de complicação. Num comparativo com o Plex, fica o revés de não haver a formatação de arquivos, algo que pode dar um pouco de trabalho na hora de apertar o play.

LocalCast

Pode ser que você tenha chegado na terceira e última alternativa desta lista e pensado que as duas anteriores não se encaixam no seu perfil de usuário simplesmente porque você precisa de algo realmente simples, mas que, ao mesmo tempo, tenha opções um pouco mais avançadas. Se você é uma dessas pessoas, então o LocalCast foi feito para você.

Esta ferramenta é feita com apenas um objetivo: o de que você pegue o arquivo de um dispositivo de armazenamento (pode ser local ou na nuvem, por exemplo) e o envie para um aparelho de transmissão, como o Chromecast. A interface é simples, sem precisar coordenar bibliotecas ou sincronizar com outros programas ou serviços, sendo aconselhável para quem ainda está começando a mexer com tecnologias do gênero.

Um destaque está nos recursos a serem desenvolvidos pelo time do LocalCast. Em primeiro lugar, eles estão trabalhando num sistema de conversão de arquivos para que não haja problemas na hora de apertar o play. Além disso, também estão desenvolvendo um método para que a imagem seja mandada para a televisão, mas você possa continuar escutando o som pelo celular, possibilitando o uso de fones de ouvido.

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.