Analistas reduzem a previsão de vendas de Ultrabooks para 2012 pela metade

Por Redação | 03 de Outubro de 2012 às 13h10

A empresa de pesquisa de mercado IHS iSupply anunciou nesta terça-feira (2) que reduziu praticamente pela metade a sua previsão de vendas de Ultrabooks para o ano de 2012, passando de 22 milhões de unidades para 10,3 milhões.

De acordo com o Telegraph, mesmo para atingir a nova previsão feita pela empresa, as vendas dos computadores ultrafinos deverão aumentar consideravelmente nos últimos três meses do ano. E a estimativa de vendas para 2013 também foi reduzida, de 61 milhões de unidades vendidas para 44 milhões.

Craig Stice, um dos analistas da IHS, afirmou que o preço alto dos Ultrabooks combinado com a falta de entusiasmo dos consumidores pelo formato, podem ter sido os responsáveis pelo fracasso nas vendas do novo aparelho.

Ultrabook Intel

A empresa previu anteriormente que os Ultrabooks seriam os responsáveis por 43% da venda de PCs no mundo todo até 2015

O formato do Ultrabook planeja capitalizar e lucrar sobre o sucesso do Macbook Air, da Apple, e a Intel até patenteou o nome para usar na sua nova série de computadores pessoais poderosos e finos, que rodam o Windows, da Microsoft.

Anteriormente, a própria IHS havia previsto que os Ultrabooks seriam responsáveis por 43% da venda global de PCs até o ano de 2015, muito acima dos 13 por cento estimados para este ano. O modelo foi lançado pela Intel durante a CES 2012, onde a empresa afirmou que o novo formato de computadores iria revolucionar a computação pessoal e fazer com que tudo 'parecesse antigo'.

Canaltech no Facebook

Mais de 370K likes. Curta nossa página você!