Stone compra Linx, empresa especializada em softwares de gestão para o varejo

Por Rui Maciel | 11 de Agosto de 2020 às 19h20

A Stone, fintech brasileira de pagamentos eletrônicos para pequenos e médios varejistas, anunciou nesta terça-feira (11) um acordo para a aquisição da Linx, empresa especializada em softwares de gestão para o varejo.

As soluções de software da Linx se estendem pelos principais segmentos do varejo, do pequeno ao grande negócio. Atualmente, ela conta com mais de 70 mil clientes em sua base e 100 mil pontos de venda, que geram anualmente cerca de R$ 300 bilhões em volume bruto de mercadorias (GMV).

A união dos softwares da Linx com as soluções de meios de pagamento e serviços financeiros da Stone, aceleram a estratégia desta última para uma maior digitalização do varejo brasileiro. A Stone pretende oferecer uma solução completa para pequenos, médios e grandes varejistas, que poderão contar com mais produtos para gerir seu negócio, engajar clientes, integrar os canais de vendas online e administrar suas finanças.

Maquininha da Stone: compra da Linx acelera sua estratégia de digitalização do varejo

A estratégia da Stone se consolidou por meio do desenvolvimento de soluções financeiras e distribuição proprietária em escala nacional. Recentemente, a companhia também adotou a estratégia de investimento em empresas de software para ampliar e fortalecer sua oferta.

Em todas as etapas da jornada do consumidor

Em comunicado, a Stone afirma que os investimentos na área de software, apesar de diversificados, devem possuir um padrão: fundadores alinhados à cultura da empresa, tecnologia escalável e canais proprietários de distribuição. Junto a esses empreendedores e aplicando práticas de arquitetura, integração e uso de dados em seus produtos, a Stone afirma querer colocar o cliente no centro do negócio e ter suas soluções presentes em todas as etapas da jornada de consumo, nos dois lados balcão (consumidor e empreendedor).

“A Stone nasceu há oito anos com um propósito muito forte de ajudar empreendedores brasileiros a prosperar por meio da oferta de produtos inovadores e um serviço excepcional, feito por um time extremamente talentoso que sempre coloca os nossos clientes em primeiro lugar, ajudando o empresário brasileiro a transformar seus sonhos em resultados", afirmou Thiago Piau, CEO da Stone Co. "Estamos muito felizes de juntar esforços com a Linx nessa jornada de transformar o varejo no Brasil”.

Linx: a empresa possui seus softwares de gestão em varejistas de todos os portes (Captura de tela: Rui Maciel)

Ainda no comunicado, a Stone afirmou que será criada mais uma frente de negócios, a partir da integração da Linx ao seu atual portfólio de investimentos em software. No entanto, essa etapa ocorrerá somente após as devidas aprovações regulatórias.

Para aconselhar as definições estratégicas e ajudar na construção dessa futura nova fase das duas companhias, será formado um conselho consultivo liderado por Alberto Menache, atual CEO da Linx. A transação está condicionada à aprovação pelos acionistas das duas companhias e pelos órgãos regulatórios competentes, como SEC e CADE.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.