HPE faz spin-off de sua divisão de software com Micro Focus por US$ 8,8 bi

Por Leandro Souza | 08 de Setembro de 2016 às 00h28

De acordo com informações divulgadas nesta quarta-feira (7), a Hewlett-Packard Enterprise (HPE) anunciou o spin-off de sua divisão de software, em uma operação de venda realizada com a britânica Micro Focus, em um negócio avaliado em US$ 8.8 bilhões.

A venda é mais uma manobra da HPE para tornar mais enxuta a sua operação depois que se separou da divisão de PCs e impressoras - o que transformou a HP em duas empresas (HPE e HP Inc.). Com isso, a empresa presidida por Meg Whitman focará seus esforços em hardware, serviços e softwares específicos para seus clientes corporativos. Ela ainda manterá algumas operações de software, mais ligadas ao seu core business, como gerenciamento de infraestruturas, por exemplo.

Conforme os resultados do segundo trimestre de 2016 divulgados na última semana pela HPE, a divisão de software da companhia caiu 18% em relação ao mesmo período em 2015.

"Estamos focando a nossa companhia em uma estratégia na qual sabemos que podemos ganhar", afirmou Whitman em declaração para a imprensa. Kevin Loosemore, chairman executivo da Micro Focus, comandará a nova empresa.

A divisão de software da Hewlett Packard enterprise tem cerca de 12 mil empregados ao redor do mundo. Somada à outras operações vendidas recentemente pela HPE, como a da H3C, de serviços de redes e storage, a empresa pode enxugar seu quadro de colaboradores de 210 mil para cerca de 60 mil até o próximo ano. A empresa também divulgou em maio um spin-off de sua divisão de serviços com a gigante CSC, reduzindo sua força em cerca de 100 mil funcionários.

Segundo analistas o negócio representará a maior aquisição internacional realizada por uma companhia britânica. A transação será feita em US$ 6,5 bilhões em ações da Micro Focus e US$ 2,5 bilhões em dinheiro.

Na transação, a HPE passará para a Micro Focus divisões de software para aplicações de negócios, incluindo as pertencentes ao malfadado negócio da compra da Autonomy, companhia de análise dados comprada em 2011 por $11 bilhões e considerada por muitos especialistas um dos grandes erros da história da multinacional, devido a diversos problemas na fusão de suas operações.

Em 2014, a Micro Focus realizou um acordo com a Attachmate no valor de 1.2 bilhões de dólares, e neste ano comprou a administração da empresa de software Serena por US$ 540 milhões. Apesar disso, sem dúvida, o passo mais importante até agora tomado pela empresa foi adquirir os negócios de software da Hewlett-Packard Enterprise, no que é considerada a maior operação realizada por uma empresa de tecnologia britânica no exterior.

Fonte: RTTNews

Inscreva-se em nosso canal do YouTube!

Análises, dicas, cobertura de eventos e muito mais. Todo dia tem vídeo novo para você.