Sony, Amazon e NVIDIA também cancelam presença na MWC20 por conta do coronavírus

Por Felipe Junqueira | 10 de Fevereiro de 2020 às 13h40

A Mobile World Congress (MWC) 2020, maior feira de tecnologias móveis do mundo deve ser, no mínimo, bastante esvaziada em 2020. Isso porque o surto de coronavírus está fazendo com que algumas das maiores gigantes do setor esteja desistindo de participar do evento, que ocorre em Barcelona entre os dias 24 e 27 de fevereiro.

As primeiras a cancelarem presença foi a LG e a ZTE. Há poucos dias, a Ericsson também anunciou que não pretende enviar representantes a Barcelona este ano. Ambas justificaram preocupações com a saúde de funcionários, parceiros e fãs. E Durante este último fim de semana, Sony, Amazon e Nvidia emitiram comunicados informando a desistência da feira, e outras gigantes cogitam seguir o mesmo caminho.

A Sony, que tradicionalmente faz uma conferência logo no primeiro dia e horário da MWC para apresentar novos smartphones, tomou a “difícil decisão” de não participar da feira este ano. Em vez disso, fará o anúncio dos novos Xperia em transmissão ao vivo, no canal oficial da marca no YouTube.

“Como damos a máxima importância à segurança e bem estar de nossos consumidores, parceiros, imprensa e funcionários, tomamos a difícil decisão de retirar nossa apresentação e participação da MWC 2020 em Barcelona”, diz o comunicado da empresa. “A conferência de imprensa da Sony será agora realizada no horário agendado de 8:30 CET (4:30 em Brasília) do dia 24 de fevereiro, com um vídeo em nosso canal oficial da Xperia no YouTube para compartilhar nossos empolgantes novos produtos”.

MWC, maior feira de tecnologias móveis do mundo, está ameaçada por conta do surto de coronavírus (Foto: MWC)

Já a Amazon informou, por um email enviado ao site TechCrunch, que a empresa "decidiu retirar a participação da MWC 2020 por conta do surto global e preocupações crescentes relacionadas ao coronavírus". Não há maiores informações sobre quais seriam os planos da gigante varejista para o evento.

E para fechar a lista de desistência dos últimos dias, a NVIDIA também anunciou que não vai mais ter representantes em Barcelona este ano. A fabricante de placas de vídeo tinha grandes planos para a feira, mas optou por cancelar tudo devido a “riscos de saúde pública por conta do coronavírus”.

“Informamos à GSMA, organizadora da MWC Barcelona, que não vamos enviar nossos funcionários ao evento deste ano”, informou a empresa, em um comunicado. “A MWC Barcelona é uma das mais importantes conferências de tecnologia do mundo. Estamos ansiosos por compartilhar nosso trabalho em IA, 5G e vRAN com a indústria. Lamentamos não comparecer, mas acreditamos ser a decisão correta”.

Duro golpe para os organizadores

Para os organizadores, a ausência mais sentida deve ser justamente a da NVIDIA. A empresa é uma das maiores patrocinadoras do evento e ia organizar 10 sessões e mesas redondas para debater inteligência artificial, além de apresentar os novos trabalhos mencionados no comunicado.

LG e Ericsson foram as primeiras a cancelarem a presença no evento, além da ZTE ter desistido da apresentação, apesar de manter a exibição de produtos. Samsung também anunciou que vai ter presença reduzida no evento deste ano.

Por ora, os organizadores seguem otimistas de que o evento vai ocorrer sem maiores complicações. Já foram anunciadas algumas medidas a serem tomadas, especialmente com relação aos visitantes chineses, que deverão comprovar que não estiveram nas áreas onde há maior foco de contaminação do coronavírus nCoV-2019 nos 14 dias que antecedem a feira - ou seja, a partir de hoje.

Fonte: Sony, TechCrunch, NVIDIA

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.