LG e ZTE não vão participar do MWC por conta da epidemia do coronavírus

Por Claudio Yuge | 04 de Fevereiro de 2020 às 21h00
MWC

O Mobile World Congress (MWC), que acontece anualmente em fevereiro em Barcelona, é a grande vitrine dos novos smartphones topo de linha das principais gigantes do setor. E como estamos passando por uma epidemia do novo coronavírus, o próprio congresso teve sua realização questionada, já que o epicentro do contágio é justamente a China, de onde vêm muitas empresas que participam do congresso. Mesmo assim, o evento foi confirmado e, embora os organizadores descartem um alto risco de disseminação da doença, várias companhias vêm cancelando sua participação, a exemplo da sul-coreana LG e da chinesa ZTE.

Nas últimas semanas, a Apple e o Google fecharam suas unidades em Wuhan, onde o coronavírus se espalhou com mais amplitude e causou mais vítimas, e os profissionais que viajaram para a China ou vieram de lá têm sido monitorados. A ausência das fabricantes orientais é baseada nessa mesma medida.

Imagem: Reprodução/MWC

A ZTE comunicou que “não quer causar desconforto nos participantes” e alegou atrasos em vistos e cronograma de voos — e sua exibição de produtos fica temporariamente sem previsão. Já a LG disse que segue a recomendação médica de não enviar centenas de profissionais a uma viagem internacional nesse momento delicado. A sul-coreana também adiantou que seus próximos lançamentos serão mostrados em “eventos separados em um futuro próximo, em uma data que será anunciada em breve”.

O MWC de 2020 acontece entre os dias 24 e 27 de fevereiro.

Fonte: 9to5Google  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.