Samsung vai reduzir produção de smartphones e demitir funcionários na China

Por Wagner Wakka | 05 de Junho de 2019 às 13h49
Tudo sobre

Samsung

Saiba tudo sobre Samsung

Ver mais

A Samsung começou a cortar investimentos em sua fábrica de smartphones na China. Embora ainda seja a líder do setor, a companhia vem observando crescimento de concorrentes como Apple e Huawei, o que a motivou a reduzir sua produção. Isso significa também demissões.

A Samsung, mesmo que forte mundialmente, também ainda derrapa para entrar no mercado chinês. No total, ela conta com apenas 1% da fatia do país asiático. Por isso, segundo informações da agência Reuters, agora a produção local vai cair.

O veículo não soube precisar em números o quanto essa redução afetará os colaboradores nem a cadeia de produção. Contudo, segundo informações de pessoas próximas à movimentação, os problemas no lançamento do Galaxy Fold também se transformaram em um prejuízo maior do que a Samsung gostaria de lidar, justificando os cortes.

A empresa está desde abril prometendo apresentar uma nova data para o seu smartphone com tela dobrável chegar ao mercado. Ela cancelou o lançamento após problemas com versões de análise enviadas a jornalistas.

Segundo um porta-voz da empresa na China, a movimentação é “apenas um ajuste de produção e de equipe”, sem detalhar mais. Contudo, funcionários têm até dia 14 para poderem se oferecer para demissão voluntária com recebimento de direitos trabalhistas.

Apesar da notícia, a empresa Samsung o primeiro trimestre de 2019 com aumento de 40% no volume de vendas em smartphones.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.