Mark Zuckerberg proíbe que executivos do Facebook usem iPhones

Por Rafael Rodrigues da Silva | 15 de Novembro de 2018 às 18h12
Reprodução
Tudo sobre

Facebook

Saiba tudo sobre Facebook

Ver mais

No começo do ano, em uma entrevista para a MSNBC, Tim Cook (CEO da Apple) foi perguntado sobre o escândalo da Cambridge Analytica (quando foram roubados informações pessoais de mais de 50 milhões de usuários do Facebook), e o que ele faria caso sua empresa se encontrasse nessa situação, a resposta foi sucinta: nós nunca ficaríamos nessa situação.

A entrevista, que mais de uma vez criticou o modelo de negócios baseado em vendas de anúncios do Facebook, irritou profundamente o CEO da empresa, Mark Zuckerberg. Tanto que, de acordo com o que revelaram fontes de dentro da empresa ao The New York Times, desde a publicação da entrevista, os diretores e executivos do Facebook são proibidos de usar celulares da Apple.

Segundo a reportagem, a desculpa dada pelo CEO é de que o alto escalão da empresa deveria utilizar aparelhos Android por serem os que concentram a maior quantidade de usuários do mundo. No entanto, ainda que há anos o sistema Android seja o que possui o maior número de usuários, a proibição só foi ocorrer depois da entrevista de Cook para a MSNBC, o que deixa bem claro que foi uma retaliação pessoal.

Mas a briga entre os dois CEOs não é nova. Desde 2014 que Zuckerberg e Cook não “se batem”. Tudo começou com uma entrevista de Cook para Charlie Rose que, com a intenção de cutucar a Google, afirmou que quando um serviço online é gratuito, o usuário não é cliente, mas o produto. Apesar de a crítica não ter sido direcionada diretamente para o Facebook, Zuckerberg tomou as dores e, em uma entrevista para a revista Time alguns meses depois, revelou que se sentia frustrado com algumas pessoas que achavam que manter um modelo de negócios sem custo para os usuários mostrava desrespeito a eles, completando ainda que, se a Apple realmente respeitasse seus consumidores, ela venderia os iPhones por um preço bem menor.

Fonte: Business Insider

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.