Google contrata fundador da DeepMind para sua divisão de IA

Por Rafael Rodrigues da Silva | 05 de Dezembro de 2019 às 17h00
Tudo sobre

Google

Saiba tudo sobre Google

Ver mais

Desde que foi adquirida pela Alphabet em 2014, a DeepMind (que é reconhecida como a maior empresa do mundo no desenvolvimento de soluções em inteligência artificial) tem ajudado o Google em diversos assuntos — o mais recente deles é o desenvolvimento do novo algoritmo de recomendação de apps da Play Store. E agora parece que essa parceria ficará ainda mais próxima e forte.

Isso porque nesta quinta-feira (5), Mustafa Suleyman, um dos fundadores da DeepMind, anunciou via Twitter que está se juntando oficialmente ao Google para trabalhar com os engenheiros da empresa em soluções de IA. Suleyman fundou a DeepMind em 2010 ao lado de Demis Hassabis (atual CEO da empresa) e Shane Legg, e desde a aquisição da companhia pelo Google o papel dele tem sido o de estudar formas que a IA pode ajudar a realizar tarefas no mundo real. Entre os projetos que Suleyman trabalhou está o aplicativo Streams (uma assistente de IA que ajuda médicos e enfermeiros a identificar doenças com base nos sintomas do paciente), que está sendo testado por hospitais do Reino Unido antes de ser comercializado para o mundo todo.

Desde agosto, Suleyman estava afastado da DeepMind por conta de “problemas pessoais”, mas enquanto isso, levantou dúvidas sobre a seu futuro na empresa. Ele sempre afirmou que não via a hora de resolver tudo e voltar a trabalhar.

No tweet de anúncio, Suleyman não revela qual será o seu cargo no Google, mas afirmou que irá colaborar diretamente com Jeff Dean (diretor da divisão de IA da Google) e com Kent Walker (vice-presidente sênior de assuntos globais do Google) em projetos que tratarão sobre os impactos da aplicação de IA em tecnologias já existentes.

A contratação acontece apenas dois dias depois de Sundar Pichai assumir o cargo de CEO da Alphabet, e pode indicar que a empresa irá apostar ainda mais no desenvolvimento e integração de tecnologias de IA em seus produtos.

Fonte: 9to5Google

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.