Brasil fica fora da lista de lançamento do HP Elite X3 na América Latina

Brasil fica fora da lista de lançamento do HP Elite X3 na América Latina

Por Rafael Romer | 24 de Agosto de 2016 às 13h28

*De Miami, Estados Unidos

Fãs brasileiros de smartphones carregados com Windows 10 ainda vão precisar de alguma paciência antes de conseguirem colocar as mãos no poderoso Elite X3, o novo smartphone focado em produtividade anunciado pela HP durante o Mobile World Congress (MWC) deste ano.

O Brasil ficou de fora da lista dos primeiros mercados latino-americanos que receberão o smartphone, anunciada nesta quarta-feira (24) pela HP durante seu Latin America Consumer Fórum, realizado em Miami.

Quer ficar por dentro das melhores notícias de tecnologia do dia? Acesse e se inscreva no nosso novo canal no youtube, o Canaltech News. Todos os dias um resumo das principais notícias do mundo tech para você!

De acordo com a empresa, o dispositivo chega ainda este ano na Colômbia, Chile e México. A partir do primeiro trimestre de 2017, lançamentos também estão confirmados para outros cinco mercados da região: Peru, Equador, Panamá, Costa Rica e Porto Rico. O preço do Elite X3 não foi confirmado em nenhum destes países, mas nos Estados Unidos o device deverá custar US$ 799, com lançamento também previsto para setembro.

"Nós não descartamos a possibilidade de lançá-lo no Brasil, mas ainda não temos uma data confirmada", afirmou ao Canaltech a vice-presidente de Mobilidade da HP, Carol Hess.

De acordo com a executiva, o lançamento do smartphone depende de homologações locais junto a órgãos reguladores e parcerias com empresas de telefonia em cada país, o que foi parte da definição dos primeiros oito mercados latino-americanos que receberão o Elite X3. Entretanto, Hess não confirmou se o pedido de homologação chegou a ser feito junto à Anatel no Brasil ou se problemas com o processo foram um dos motivos para o país estar fora das duas primeiras ondas de lançamento.

O Elite X3 é equipado com o processador Snapdragon 820 quad-core rodando a 2,15 GHz, 4 GB de memória RAM e 64 GB de armazenamento interno – expansíveis via cartão microSD de até 2 TB. O dispositivo também traz uma câmera traseira de 16 megapixels, frontal de 8 megapixels, entrada USB-C, sensor de impressão digital e scanner de íris. A bateria também é um dos destaques do gadget, com 4.150 mAh.

A principal característica do dispositivo, no entanto, fica por conta da compatibilidade com o Microsoft Continuum, que permite conectá-lo a uma doca externa e, junto a um monitor, mouse e teclado, utilizá-lo como um PC tradicional. A ideia é que o recurso atraia principalmente usuários corporativos com necessidades de flexibilidade e produtividade móvel.

*O repórter viajou a convite da HP.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.