Hugo Barra, vice-presidente do Android, deixa o Google

Por Redação | 29 de Agosto de 2013 às 10h56

O brasileiro Hugo Barra, vice-presidente do Android, anunciou que está deixando o Google. O executivo, que era um dos rostos mais conhecidos por trás do sistema operacional móvel da empresa, agora será vice-presidente global da fabricante chinesa de smartphones Xiaomi.

"Depois de quase cinco anos e meio no Google e quase três anos como membro da equipe do Android – o grupo mais surpreendente de pessoas que eu já trabalhei na minha vida – eu decidi começar um novo capítulo na carreira", diz um post de Barra em sua conta no Google+. Mas, apesar da mudança, o executivo também diz que vai continuar ajudando "a conduzir o ecossistema Android". Por meio de nota, o Google disse que deseja o melhor para Hugo Barra e que a empresa sentirá sua falta.

As razões para a sua saída do Google ainda são desconhecidas, mas fontes do AllThingsD alegam que o pedido de demissão do brasileiro tenha cunho pessoal – mais precisamente, o fim do relacionamento amoroso com uma Googler. Aparentemente, Sergey Brin, cofundador do gigante da web, se separou de sua esposa e agora está em um novo relacionamento com uma funcionária da empresa – a mesma que estava com Barra – e isso pode ter levado a uma situação desconfortável.

Deixando os assuntos do coração de lado, fato é que Barra era um nome muito importante para o sistema operacional móvel da companhia, utilizado hoje por quase 1 bilhão de pessoas ao redor do mundo. Sua saída será uma das perdas mais importantes da empresa e sua divisão Android.

Leia também: Hugo Barra, do Google, fala sobre revoluções de software e hardware em São Paulo

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.