5 linguagens de programação mais indicadas para o desenvolvimento de games

5 linguagens de programação mais indicadas para o desenvolvimento de games

Por Dácio Castelo Branco | Editado por Claudio Yuge | 17 de Fevereiro de 2022 às 16h20
Hello Lightbulb/Unsplash

É inegável que os videogames fazem parte do dia a dia de boa parte das pessoas do mundo, com muitas, inclusive, sonhando em transformar suas idéias de jogos em realidade. E, para este objetivo, é importante saber lidar e utilizar linguagens de programação.

Mas, como é de comum ciência para toda população mundial, existem milhares de linguagens de programação, cada uma com sintaxe e funções específicas. Com isso, qual delas é a mais recomendada para o desenvolvimento de jogos?

Buscando responder esse questionamento o Canaltech disponibiliza a seguir uma lista com as cinco linguagens de programação mais recomendadas para desenvolvimento de jogos. Confira:

JavaScript

Uma das linguagens mais populares do mundo, o JavaScript conta com uma poderosa implementação conjunta com o HTML5, além de vários repositórios e bibliotecas que permitem o desenvolvimento de jogos com gráficos satisfatórios.

Para quem quer criar seu próprio game, ela é uma ótima opção, tanto para projetos de pequeno escopo quanto para os de grande.

Java

Minecraft é um jogo desenvolvido em Unity, que tem compatibilidade com linguagem de programação Java. (Imagem: Divulgação/Mojang Studios)

A Unity, a engine de criação de jogos 3D open-source mais popular do mundo, é totalmente compatível com o Java, tornando essa linguagem de programação uma das habilidades mais requisitadas para desenvolvedores de games.

A partir das funções do Java, desenvolvedores podem manipular e modificar as criações na Unity muito além do previsto pelas ferramentas básicas da engine, podendo assim até mesmo criar jogos como o Minecraft, um verdadeiro marco de liberdade e complexidade nos jogos.

Python

O Python não é muito utilizado nas versões lançadas ao público de jogos — o seu uso na indústria é em especial para desenvolvimento rápido de protótipos de games, sejam em 2D ou 3D.

Como o processo de desenvolvimento de jogos não é a criação direta dos títulos, o Python se torna uma importante habilidade para testes de ideias e conceitos para os games.

C++

A grande maioria das engines usadas para desenvolvimento de jogos — ambientes preparados previamente para criação específica do produto em questão — são programados em C++.

Com isso, um desenvolvedor de games que tenha conhecimento de C++ pode alterar uma engine para melhor satisfazer seus planos e visões dentro da ideia de sua ideia para o jogo.

C#

Fortnite é desenvolvido na Unreal Engine, que é compatível com o C#. (Imagem: Divulgação/Epic Games)

Embora não tão utilizada em engines quanto o C++, o C# também está presente em boa parte desses ambientes, permitindo também para quem tiver habilidade com a linguagem de programação uma maior liberdade em como desenvolver soluções nela.

Destacamos que a Unreal Engine, usada na maioria dos grandes lançamentos para todos os consoles atuais do mercado, além de títulos populares como Fortnite, é compatível através de um plugin com a C#, tornando o conhecimento dessa linguagem algo muitas vezes procurado no mundo dos games.

Fonte: Analytcs Insight

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.