Entre as novidades do iOS 13, estão ferramentas de acessibilidade interessantes

Por Wagner Wakka | 15 de Junho de 2019 às 21h50
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

A Apple apresentou durante a Worldwide Developers Conference (WWDC) novas ferramentas de acessibilidade para o iOS 13, a ser lançado ainda este ano. A ideia é que o sistema seja mais amigável com usuários com sensibilidades e problemas relacionados a cor, como daltonismo.

Uma das mudanças é em relação à movimentação em apps. O sistema operacional já conta com redução de animações em alguns programas, como o de clima. Agora, também é possível evitar que vídeos comecem a rodar automaticamente em programas no iOS 13. O sistema pode ser implementado em apps da própria Apple ou por API para desenvolvedores.

A ideia é que o sistema de evitar autoplay de vídeos chegue ao iOS 13 por padrão, podendo ser desabilitado nas configurações. Ainda, será possível escolher uma pequena gama de apps que contam com bloqueio de autoplay.

Transições devem ser mais leves nas novas opções do iOS 13 (Foto: Diculgação/Apple)

Outra mudança para evitar problemas com quem tem sensibilidade a movimentos: agora, é possível acionar uma transição em fade, aquele efeito que esmaece uma tela de forma mais leve. Isso diminui enjoo com pessoas que têm problemas com movimentação.

Tal ferramenta também pode ser implementada no kit de desenvolvimento para o iOS 13.

Cor

O iOS 13 também pode fazer com que seja mais fácil usar o iPhone para quem tem dificuldade com cores. Além do sistema voltado para daltônicos, há também modos voltados para outros tipos de cegueira com cores como deuteranopia, protanopia e tritanopia.

Leques de cores visíveis para cada tipo de deficiÊncia visual (Foto: Divulgação/Apple)

A ideia é que o desenvolvedor não precise efetivamente criar um design específico para cada um dos tipo de deficiências visuais. Assim, quando se acionar a opção nas configurações, todos os apps compatíveis com sistema já se tornam mais acessíveis.

O iOS 13 ainda está em suas primeiras versões beta, e deve chegar a todos os usuários de aparelhos compatíveis em setembro deste ano.

Fonte: 9to5Mac

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.