6 dicas para identificar se um app é seguro para o iPhone

6 dicas para identificar se um app é seguro para o iPhone

Por Lucas Wetten | Editado por Bruno Salutes | 14 de Dezembro de 2021 às 12h30
Foto: Franck (Unsplash)

Apesar de consideravelmente mais segura do que a Google Play Store, a App Store do iOS também requer um certo cuidado ao fazer o download de aplicativos terceiros, principalmente caso se encaixem em alguns parâmetros suspeitos. Quer aprender a indentificar se um aplicativo é seguro para iPhone? Então veja as dicas que preparamos a seguir.

1. Indicações da App Store

Antes de qualquer coisa, uma importante dica inicial é explorar as listas de indicações e recomendações da própria App Store do iOS. Existe uma série de listas prontas que disponibilizam aplicativos comprovadamente seguros, tanto pagos, como gratuitos, para que você possa baixá-los e testá-los em seu iPhone.

Explore as indicações de aplicativos da App Store do iOS (Captura de tela: Lucas Wetten)

2. Avaliações do app

Caso você decida baixar um aplicativo mais desconhecido, a primeira coisa que você deve verificar é como está a avaliação do aplicativo na App Store. A loja da Apple trabalha com o sistema de até cinco estrelas, sendo cinco, uma ótima avaliação, e apenas uma estrela, uma péssima avaliação. Ao receber mais avaliações, o aplicativo fica com a média calculada sendo disponibilizada em seu perfil de download.

Verifique as classificações e avaliações deixadas por usuários sobre o aplicativo (Captura de tela: Lucas Wetten)

3. Comentários sobre o app

Além das avaliações, também há a opção para que os usuários deixem um comentário em cada avaliação. Desta forma, é possível entender melhor a justificativa de uma nota alta ou baixa. Cabe a cada um interpretar e avaliar se faz sentido ou não o comentário deixado para a nota em questão.

Leia os comentários deixados por usuários nas avaliações sobre o aplicativo (Captura de tela: Lucas Wetten)

4. Histórico de versões

Uma outra forma de verificar se o app tem sido atualizado e aprimorado com frequência é na seção de "Novidades". Ao entrar em "Histórico de versões", é possível visualizar listadas todas as atualizações do aplicativo.

Enquanto um app apenas com versões antigas é um péssimo sinal, pois provavelmente nem sequer possui compatibilidade com o sistema iOS atual, uma demasiada frequência de atualizações também não se trata de algo positivo, porque permissões adicionais podem ter sido adicionadas de forma discreta.

O importante aqui é que exista um equilíbrio, com atualizações necessárias e textos descritivos informando o que foi de fato alterado e aprimorado no app, principalmente se tratando de um aplicativo mais desconhecido.

Verifique o histórico de versões que o desenvolvedor já publicou do aplicativo (Captura de tela: Lucas Wetten)

5. Práticas de privacidade

Hoje em dia, privacidade e cuidado com o uso de dados é algo essencial a todos. Por conta disto, uma outra seção muito relevante do perfil de download é a de "Privacidade do App", onde os desenvolvedores podem disponibilizar informações detalhadas referentes às práticas de privacidade e gerenciamento de dados do usuário. Caso suspeite de um app, vale conferir a descrição desta seção.

Analise as práticas de privacidade detalhadas pelo desenvolvedor do aplicativo (Captura de tela: Lucas Wetten)

6. Permissões solicitadas

Por fim, para quaisquer aplicativos já baixados em seu iPhone, é sempre importante verificar todas as permissões solicitadas. Caso não faça sentido, por exemplo, conceder uma permissão para que um determinado app ative o microfone do seu iPhone, desconfie: revogue a permissão imediatamente.

Para fazer isto, abra os Ajustes do seu iPhone, desça toda a tela e localize o aplicativo em questão. Na tela de permissões do app, desative o que considerar melhor.

Verifique as permissões solicitadas pelo aplicativo baixado (Captura de tela: Lucas Wetten)

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.