Phablet, BYOD e selfie viram verbetes do dicionário Oxford

Por Redação | 30.08.2013 às 14:40

Quando seu pai não entender os termos que você usa no dia a dia, ele pode procurá-los no dicionário. As palavras phablet, BYOD e selfie são três exemplos de novas palavras que entrarão para o tradicional dicionário Oxford.

BYOD (Bring Your Own Device) já é um termo relativamente antigo do mercado corporativo de tecnologia, que se refere à tendência de levar dispositivos pessoais, como notebooks e smartphones, para o ambiente de trabalho. Já selfie e phablet são mais recentes e começaram a ser usados popularmente em junho de 2012.

Phablet é um termo usado para se referir a aparelhos grandes demais para serem considerados smartphones e pequenos demais para serem chamados de tablets. Seria, portanto, um gadget de tamanho intermediário que faz ligações telefônicas. Um exemplo seria o Samsung Galaxy Mega, que tem tamanho de 6,3 polegadas.

Selfie é a palavra usada para designar um auto-retrato, quando a foto é tirada com uma câmera digital de mão ou celular.

“A tempo, selfie surgiu primeiramente no contexto das redes sociais, mas tem atraído a atenção da mídia após Hillary Clinton aparentemente usar a palavra em uma mensagem de texto ao dono do Tumblr dedicada a uma imagem em que ela aparecia enviando torpedos”, escreveu a editora do dicionário Oxford na nota de lançamento publicada em seu blog.

Além dessas expressões, palavras como emoji, as figurinhas japonesas que ficaram famosas entre usuários de iPhone, e srsly, uma abreviação de “Sério?!”, em inglês, também entraram para o dicionário britânico.

Confira a lista completa de novas palavras no site da empresa.