Insatisfeitos, usuários criam petição exigindo separação entre YouTube e Google+

Por Redação | 11 de Novembro de 2013 às 15h45

A recente alteração feita pelo Google no site de vídeos mais acessado do mundo, o YouTube, desagradou, e muito, a seus usuários. Pelo menos é o que revela uma petição online criada por internautas que pedem o retorno à antiga forma de comentar os vídeos e a separação entre o YouTube e o Google+. Com informações do Digital Trends.

De acordo com John Doe, criador do documento, "o Google está nos forçando a criar contas no Google+ e invadindo nossa vida social para nos deixar comentar em um vídeo no YouTube e está tentando acabar com nossos perfis anônimos".

A revolta de Doe é compartilhada por ceca de 90 mil usuários que já assinaram a petição, cujo objetivo é atingir a marca de 150 mil assinaturas antes de ir atrás da empresa. Quem também demonstrou insatisfação com o novo sistema de comentários do site foi Jawed Karin, cofundador do YouTube. Após 8 anos sem nenhuma atividade por lá, Karin retornou apenas para reclamar do novo sistema: "por que eu preciso ter uma conta no Google+ para comentar em um vídeo?".

Jawed Karin reage ao novo sistema de comentários imposto pelo Google no YouTube

Jawed Karin reage ao novo sistema de comentários imposto pelo Google no YouTube

De acordo com Doe, o Google também está perseguindo os usuários que estão tentando divulgar a petição nos comentários dos vídeos. "Se você quiser espalhar essa petição no YouTube, tenha cuidado e faça isso com uma conta separada", aconselhou. Tal informação, no entanto, ainda não foi confirmada.

Parece que o Google está realmente disposto a conquistar mais usuários para sua rede social, o Google+. Mesmo que, para isso, tenha que forçá-los a criar um novo perfil por lá.

Instagram do Canaltech

Acompanhe nossos bastidores e fique por dentro das novidades que estão por vir no CT.