Apple e GE criam ferramenta para facilitar controle industrial no iOS

Por Redação | 18 de Outubro de 2017 às 12h18

A Apple e a General Electronic anunciaram nesta quarta-feira (18) uma parceria que deve tornar mais fácil o acompanhamento e controle industrial por meio de iPhones e iPads. As companhias estão trabalhando na integração do iOS com o Predix, um sistema da GE que é usado, por exemplo, em usinas de energia, unidades de fabricação e monitoramento de motores de aviões, apenas para citar alguns exemplos.

A ideia é evitar e prevenir falhas, além de facilitar o processo de manutenção. Além disso, a plataforma serve para garantir uma eficiência de custos para os aparelhos conectados, que podem ir desde elevadores em prédios de escritórios até usinas de energia eólica, todos enviando informações a data centers que, agora, poderão ser acessadas a partir dos dispositivos móveis da Maçã.

A parceria não apenas auxilia a GE em seus ideais de se tornar uma empresa “industrial digital”, mas também deve melhorar seus números. A expectativa é que o segmento, sozinho, gere US$ 12 bilhões em faturamento até 2020, se tornando uma das principais áreas de atuação da companhia em todo o mundo.

Participe do nosso GRUPO CANALTECH DE DESCONTOS do Whatsapp e do Facebook e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

A nova versão da ferramenta, com lançamento marcado para o dia 26 de outubro, não apenas facilita a utilização do Predix em iPhones e iPads, como também contém recursos para que desenvolvedores de software façam o mesmo. Isso significa que outros fabricantes de equipamentos e automação poderão trabalhar suas plataformas para que elas também tenham essa integração, fortificando parcerias existentes e também trazendo novos nomes para o ecossistema.

Além de ferramentas de monitoramento, a parceria permite que o Predix passe a contar com recursos que são exclusivos dos dispositivos da Apple. A GE cita, por exemplo, a possibilidade de realizar uma ligação via FaceTime com operadores presentes em unidades de energia remota, de forma a decidir o melhor momento de desligar um gerador para manutenção. Notas, imagens e outros dados também podem ser compartilhados de maneira mais rápida.

O mesmo vale para executivos, que terão no bolso todas as informações estatísticas necessárias para fecharem novos negócios. O contato com outros diretores será direto, bem como com o pessoal operacional, garantindo maior eficiência e disponibilidade.

Como parte do acordo, a General Electric também está tornando o uso de iPhones e iPads um padrão entre seus 330 mil funcionários, enquanto aqueles que trabalham em atividades de escritório e monitoramento digital também terão a opção de utilizarem Macs para esse fim. Em troca, a Apple ajudará a divulgar o Predix para seus clientes corporativos, com direito a treinamento para seus promotores e ofertas especiais para determinados nichos de mercado.

Fonte: Reuters

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.