Um dos maiores especialistas em chips do mundo deixa Intel depois de dois anos

Por Rui Maciel | 12 de Junho de 2020 às 17h45
Intel
Tudo sobre

Intel

Saiba tudo sobre Intel

Ver mais

Jim Keller. Esse nome pode não ser dos mais conhecidos para quem não acompanha o universo da Tecnologia mais de perto, mas o fato é: ele é um dos maiores especialistas no desenvolvimento de chips do mundo, com trabalhos muito bem sucedidos em empresas como Tesla, Apple e AMD. Contratado pela Intel há dois anos, para o cargo de vice-presidente sênior da divisão de Silicon Engineering Group, ele acaba de pedir demissão da empresa, com efeito imediato.

O anúncio foi feito pela própria Intel, que afirmou que o pedido de demissão de Keller se deu por "motivos pessoais". O especialista fora contratado para otimizar o processo de desenvolvimento de silício da companhia, além de fornecer plataformas estratégicas onde produtos futuros podem ser desenvolvidos e otimizados para o mercado. Nesses dois anos, Keller também teria ajudado a analisar os processos de fabricação da Intel, bem como de vários projetos futuros.

Em comunicado, a Intel afirma que Keller permanecerá na empresa como consultor durante seis meses, ajudando na transição. Com a sua saída, a Intel realinhou internamente alguns de seus grupos de trabalho com uma série de promoções: Sundari Mitra, ex-CEO e fundador da Net Speed, liderará uma recém-criada divisão, chamada de IP Engineering Group; já Gene Scuteri chefiará as divisões dos chips Xeon e o Networking Engineering Group. Daaman Hejmadi será o head do Grupo de Engenharia de Clientes, focado principalmente na execução de SoCs. E Navid Shahriari continuará a liderar o Grupo de Engenharia de Manufatura e Produto.

Processadores lendários

O currículo de Jim Keller na indústria de processadores é respeitável, com alguns de seus trabalhos impulsionando a indústria de eletroeletrônicos. Um deles é a liderença no desenvolvimento dos chips A4 e A5, da Apple (presentes nos iPhone 4 e 4S), além de ficar a frente do design dos processaores K8 e Zen, da AMD. Na Tesla, ele ficou a frente do novo sistema de direção autônoma da marca e que, segundo os próprios concorrentes da montadora, deixou a companhia sete anos à frente dos competidores.

Chip A4: uma das criações mais icônicas de Keller

Em um memorando interno publicado pela Reuters ,o diretor de engenharia da Intel, Murthy Renduchintala, agradeceu a Keller por seu trabalho. "Muitos de nós testemunhamos em primeira mão a força técnica de Jim no design de CPUs e a paixão pela engenharia de silício", escreveu ele. "Pessoalmente, apreciei muito seus esforços para nos ajudar a avançar na liderança de produtos da Intel".

Fonte: Intel newsroom / Reuters  

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.