Modems 5G da Apple devem aparecer somente após 2025

Por Felipe Ribeiro | 19 de Maio de 2019 às 21h30
Divulgação
Tudo sobre

Apple

Saiba tudo sobre Apple

Ver mais

A saga da Apple em busca dos modems 5G para seus futuros iPhones foi digna de cinema. Depois de dois anos em litígio com a Qualcomm, finalmente as empresas se acertaram e fecharam acordo para o fornecimento desses chips até, pelo menos 2025. A Apple se viu em uma "sinuca de bico" e foi meio que obrigada a resolver essa briga, já que a Intel esboçou (e confirmou) problemas para a produção desses dispositivos para a Maçã.

Com todo esse cenário diante dos seus olhos, a gigante decidiu projetar seus próprios modems 5G internamente. Para este fim, você deve se lembrar que a Apple, no mês passado, tirou Umashankar Thyagarajan da Intel, o principal engenheiro de modem 5G da fabricante de chips. Como relata uma reportagem do site The Information, o pessimismo da Apple em relação ao desempenho do modem da Intel vem desde 2017, ano do início do litígio com a Qualcomm. Inevitavelmente, a empresa começou a ter sérias dúvidas quanto à capacidade da Intel de ser seu único fornecedor de modem 5G e iniciou todo esse processo.

"A Apple também não viu os algoritmos de arquitetura e software de modem 5G da Intel prontos", disse uma fonte, ao The Information. "Eventualmente, a Intel produziu um protótipo funcional de um modem de 5G, mas o design do chip era grande, tornando-o caro para produzir", completou

Em entrevistas com potenciais contratados para seu staff, a Apple informou aos engenheiros que espera ter seu próprio modem pronto até 2025. O prazo é, curiosamente, o mesmo do contrato de licença da Apple e da Qualcomm.

Fonte: BGR , The Information

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.