Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

GeForce RTX 4090 fica mais cara nos EUA após restrições na China

Por| Editado por Jones Oliveira | 30 de Outubro de 2023 às 14h15

Link copiado!

MSI
MSI
Tudo sobre Nvidia

Após os Estados Unidos restringirem a exportação de certas placas de vídeo para a China, os preços da GeForce RTX 4090 estão aumentando de forma exponencial. A decisão, que afetaria somente o território chinês, já parece estar encontrando um equilíbrio maior do que os últimos dias, mas agora a situação no aumento de preços afeta diretamente as próprias lojas norte-americanas.

A GeForce RTX 4090 sempre teve ampla disponibilidade no varejo estadunidense desde o seu lançamento no fim de 2022. O preço manteve uma média próxima ao MSRP sugerido de US$ 1.599, mas agora o cenário é outro: os valores vêm subindo cerca de 10% nos últimos dias.

Lojas como Amazon, Newegg e BestBuy já vendem modelos com preços iguais ou superiores aos US$ 1.700. Na verdade, essa é a exceção do problema. Muitos varejistas não têm mais estoque para esses produtos, vendendo apenas certos exemplares, como a MSI Gaming X SLIM.

Continua após a publicidade

EUA sofre efeito reverso no mercado de GPUs

A falta de disponibilidade e os preços elevados da GeForce RTX 4090 são um efeito reverso inesperado no mercado estadunidense. As restrições contra a China visavam limitar o progresso do país no avanço em inteligência artificial, incluindo até mesmo o banimento de GPUs A800 e H800 para operações complexas.

O preço das topo de linha da NVIDIA já está estabilizando no território chinês, mas há uma tendência para que o resto do mundo sofra com valores ainda mais inflacionados, além da falta de estoque. Ainda é difícil precisar quanto tempo essa onda vai durar, mas a expectativa é que seja algo passageiro. Com a chegada de datas como a Black Friday e as festas de fim de ano, o estoque deve ser reabastecido nas próximas semanas.

Continua após a publicidade

Esse movimento também pode ser uma estratégia das próprias lojas para valorizar o produto internamente, visto a escassez de modelos para importação. Dessa forma, somente o tempo vai dizer como o mercado de GPUs topo de linha vai se comportar nos próximos meses.