Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Empresas retomam lucro, mas SSDs devem seguir caros em 2024

Por| Editado por Jones Oliveira | 21 de Março de 2024 às 15h45

Link copiado!

Matheus Pernambuco / Canaltech
Matheus Pernambuco / Canaltech

Com a alta no preço de memórias NAND e os estoques lotados das grandes empresas, 2024 começou em alerta para uma crescente nos preços dos SSDs e outros tipos de armazenamento. Agora, uma reportagem do MyDrivers aponta que as empresas do setor começam a retomar seus lucros, mas o preço dos Solid State Drivers permanecerá alto.

Segundo o levantamento, fabricantes como Western Digital e Kioxia estão começando a retornar com sua lucratividade e reduzindo os índices de estoques cheios. Embora ainda seja um cenário de recuperação, as companhias focarão em aumentar seu ritmo de produção para tentar cobrir os prejuízos do passado.

A fabricação deve focar em memórias NAND do tipo 2D e de 112-camadas, dando ênfase ao mercado doméstico e também ao segmento profissional para máquinas de alta performance, principalmente por conta da alta da inteligência artificial. Essa estratégia pode gerar um lucro de 10,9% para a indústria de memórias em 2024, superando o retrospecto negativo dos últimos anos fiscais.

Continua após a publicidade

Preços cada vez maiores

Por mais que o cenário de melhora seja bem animador, o preço dos SSDs continuará em alta. Um relatório da TrendForce divulgado há alguns meses indicava um aumento de 50% nas memórias NAND, fora o aumento de 40% no preço final dos produtos repassados pelas fabricantes. 

Com a recuperação, a indústria de base deve aumentar novamente o preço da NAND em 10 ou 15%. O valor só atingirá níveis mais baixos quando as fabricantes retornarem a um patamar de lucratividade que não é visto há algum tempo. 

É difícil prever o futuro e apontar o que irá acontecer, mas a alta no preço dos SSDs e outros produtos com base em memórias NAND é uma realidade. Se você pensa em comprar esses produtos, a janela para aproveitar os estoques atuais no Brasil com preços menores está acabando.

Fonte: MyDrivers