Evento online discutirá agenda do governo digital no Brasil

Por Rui Maciel | 25 de Setembro de 2020 às 11h10
brazillab.org.br

Nesta sexta-feira (25), a partir das 14h30, acontecerá a primeira edição do BrazilLAB Talks, evento que trará uma série de conversas online e ao vivo debatendo sobre a agenda digital do governo brasileiro. A iniciativa - que será gratuita e terá outras edições até o final do ano - contará com a participação de especialistas nacionais e internacionais e trará temas como inovação, tecnologia e gestão pública.

O projeto foi organizado pela BrazilLAB, hub brasileiro especializado em GovTech e cujo objetivo é conectar o ecossistema de startups ao setor público. Ele tem como objetivo promover debates sobre experiências, desafios e oportunidades para a incorporação de tecnologias digitais pelo setor público brasileiro.

A primeira edição do BrazilLAB Talks terá o lançamento do relatório “As startups GovTech e o futuro do governo no Brasil”, produzido em parceria com o Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). A pesquisa traz um panorama sobre o ecossistema de startups GovTech no Brasil, com dados sobre áreas de atuação, perfil e soluções desenvolvidas. O relatório também apresenta recomendações técnicas para o fortalecimento da atuação dessas empresas junto ao poder público, especialmente relacionadas à cultura de inovação, ambiente regulatório e investimento.

O evento contará com a participação de Guilherme Dominguez, co-founder, Diretor do Programa de Aceleração do BrazilLAB e responsável pela elaboração do relatório, e de Marcelo Facchina, Executivo Principal em Cidades Inteligentes e Municípios do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

A pandemia como fator de aceleração

A pandemia de coronavírus e seus efeitos para as dimensões políticas, sociais e econômicas representaram importantes catalisadores para a agenda de governo digital no Brasil. Nesse cenário, a digitalização se transformou em uma pauta prioritária para que estados, municípios e o governo federal pudessem manter a oferta de serviços públicos, como o ensino à distância (EA), o atendimento à saúde e também o pagamento de benefícios, como o auxílio emergencial de R$ 600.

“A crise que estamos vivenciando reforçou como a agenda de transformação digital é fundamental para governos. Sem a incorporação acelerada de tecnologias digitais por estados, municípios e também pelo governo federal, muitas das ações pensadas para combater os impactos negativos da pandemia simplesmente não poderiam ter sido implementadas", afirma Letícia Piccolotto, Fundadora e CEO do BrazilLAB. "Não teríamos a agilidade, precisão e resiliência tão necessárias ao grave desafio que vivemos. A digitalização do governo é uma realidade e, passado o momento de crise, precisamos refletir, como sociedade, quais os rumos que ela deve tomar. Isso porque vivemos um momento de transição, no qual os dilemas éticos e morais sobre o uso da tecnologia devem surgir, mas também temos a oportunidade singular de definir as bases que nos guiarão em todo esse movimento”,

Ainda de acordo com Piccolotto, o objetivo do BrazilLAB Talks é incentivar debates fundamentados e informativos sobre o momento ímpar que o Brasil vive e como o país pode liderar a revolução GovTech nos próximos anos. "Com mudanças importantes construiremos as bases para que isso seja possível. Há experiências de sucesso sendo desenvolvidas em nosso país e também podemos aprender com o que outras nações fizeram", disse a executiva. "Com o BrazilLAB Talks desejamos promover o diálogo e a construção colaborativa de reflexões sobre a transformação digital que nos permitam seguir adiante”, completa.

Para fazer a sua inscrição no BrazilLAB Talks, basta clicar neste link, sempre lembrando que o evento será online e gratuito. Já para saber mais sobre as propostas da BrazilLAB, visite o site oficial da entidade.

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.