Edward Snowden critica crise política no Brasil e defende candidato a vereador

Por Redação | 05 de Setembro de 2016 às 20h46

Responsável por divulgar o sistema de espionagem dos EUA para com seus próprios cidadãos e governos vizinhos, Edward Snowden anda mais envolvido na política do que boa parte das pessoas pensam: num vídeo publicado hoje (5) na página do candidato a vereador do Rio de Janeiro, David Miranda, Snowden critica a crise política vivida no Brasil e defende o candidato abertamente:

Razoavelmente próximos, Miranda e Snowden se conhecem por causa do jornalista norte-americano Glenn Greenwald, que esteve envolvido no escândalo da Agência de Segurança Nacional dos EUA, NSA, e é casado com Miranda. Em 2013, Glenn foi quem divulgou, por meio do jornal onde trabalhava, o britânico The Guardian, as principais informações sobre o esquema de espionagem praticado pelos EUA e outros países à população civil e governos de várias outras Nações, incluindo o Brasil.

No vídeo que você pode ver acima, Snowden ainda afirma que o nosso país vive um momento de "crise democrática", onde as autoridades estão prejudicando instituições como a economia, a saúde, a educação e a segurança pública em prol de interesses particulares de um determinado grupo. Ao levantar todos esses problemas, Snowden afirma categoricamente que Miranda é um homem disposto a enfrentar os interesses das autoridades, e que, para ele, é disso que o país precisa no momento.

Como você pode ver, o vídeo também exibe uma série de reportagens sobre os episódios em que Snowden e Miranda foram detidos no aeroporto de Londres, em 2013. Na época, Snowden, Glenn e Miranda trocavam informações sobre o esquema, as autoridades inglesas tiveram acesso aos pertences da dupla e os interrogaram por horas a fim de descobrir suas intenções no país.

Apesar de parecer novidade, a relação entre o partido e Snowden não é nada nova: em 2014, durante as eleições presidenciais, a candidata do PSOL, Luciana Genro, defendeu que uma de suas ações como presidente do país seria facilitar a entrada de Snowden no Brasil, bem como dar asilo político ao ex-analista de sistemas. Desde então a aproximação de Snowden com o partido é cada vez maior, o que torna compreensível que ele defenda o candidato a vereador este ano.

David Miranda

David foi investigado junto de Snowden em 2013 (Foto: Divulgação/PSOL)

No mesmo estilo do depoimento de Snowden, a página de David Miranda publicou há cerca de duas semanas um vídeo onde Naomi Klein, uma das maiores críticas aos sistemas econômicos capitalista e comunista, também apoia o candidato. Em 2004, a jornalista e ativista canadense causou polêmica ao expor a situação de trabalhadores em fábricas da Nike e de outras empresas, incluindo gigantes da tecnologia, que exploravam trabalhadores da Ásia com pobres salários e pobres condições de trabalho.

Mas e você, o que acha das declarações de Snowden e Klein? Lembre-se de utilizar o campo de comentários para expor sua opinião!

Fonte: David Miranda (Facebook)

Fique por dentro do mundo da tecnologia!

Inscreva-se em nossa newsletter e receba diariamente as notícias por e-mail.