Siga o @canaltech no instagram

Anatel inicia bloqueio de celulares piratas em mais quinze estados

Por Rafael Rodrigues da Silva | 03 de Janeiro de 2019 às 17h32
Tudo sobre

Anatel

Saiba tudo sobre Anatel

Ver mais

A partir da próxima segunda-feira (7), a Anatel iniciará os procedimentos para bloqueio de celulares piratas em 15 estados, o que incluirá toda a região Nordeste, parte da região Norte e os estados de São Paulo e Minas Gerais.

A partir deste dia, todos os celulares piratas que estiverem em uso em qualquer uma dessas regiões receberão uma mensagem que o celular está irregular e não funcionará nas redes de celulares em 75 dias. A mesma mensagem será enviada novamente mais duas vezes, a 50 e, posteriormente, 25 dias da data de bloqueio, e a partir do dia 24 de março esses aparelhos não conseguirão mais acessar nenhuma rede de internet 3G ou 4G, além de não conseguirem mais efetuar ou receber ligações.

Essa será a terceira e última fase do bloqueio de celulares piratas no Brasil feita pela Anatel, que em maio já bloqueou os sinais destes aparelhos no Distrito Federal e em Goiás, e em dezembro do ano passado iniciou o processo de bloqueio para os estados do Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins. Agora, com o início do processo de bloqueio em toda a região Nordeste (Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Piauí, Pernambuco, Rio Grande do Norte e Sergipe) e nos estados do Amapá, Amazonas, Minas Gerais, Pará, Roraima e São Paulo, a partir do dia 24 de março os celulares considerados piratas pela Anatel estarão bloqueados em todo o Brasil.

Participe do nosso Grupo de Cupons e Descontos no Whatsapp e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

De acordo com a Anatel, um aparelho pirata é todo aquele que não possui um número IMEI (código de 15 dígitos que permite identificar a marca e o modelo do celular) cadastrado no banco de dados GSMA. A agência também avisou que a medida valerá apenas para os aparelhos que forem ativados nas operadoras a partir de 7 de janeiro, e aparelhos que foram ativados antes desta data não serão afetados.

Vale lembrar que esse bloqueio atingirá apenas aparelhos que entraram ilegalmente no país por contrabando, e não bloqueará os importados de marcas como Xiaomi, OnePlus e Huawei, pois estes possuem um IMEI válido ao terem sido homologados em seus países de origem. Para descobrir o IMEI do seu aparelho, é só digitar *#06# no aplicativo de telefone ou então acessar o site da Anatel.

Fonte: Tecnoblog

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.