Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Por que Zelda: Tears of the Kingdom não vai receber DLC?

Por| Editado por Jones Oliveira | 06 de Setembro de 2023 às 11h10

Link copiado!

Nintendo
Nintendo
Tudo sobre Nintendo

Não espere voltar para Hyrule em histórias inéditas tão cedo, já que The Legend of Zelda: Tears of the Kingdom não vai receber DLCs. A Nintendo confirmou que não há planos de expandir o game e que, dessa forma, não teremos nenhum conteúdo extra chegando a um dos principais títulos do Switch de 2023.

O anúncio foi feito pelo produtor do game, Eiji Aonuma, em entrevista à revista japonesa Famitsu. Segundo ele, a razão para não lançar nenhum DLC é pelo simples fato de ele já ter feito tudo o que pretendia no jogo base que, por essa razão, não vê necessidade de lançar nenhuma expansão ou coisa do tipo.

Continua após a publicidade

Já para o diretor de Tears of the Kingdom, Hidemaro Fujibayashi, o foco das equipes da Nintendo que trabalharam no game é pensar no próximo capítulo da franquia, focando principalmente na experiência divertida que eles querem criar. Ainda assim, ele já antecipa que não tem ideia de como isso vai ser feito — ou seja, o novo game ainda está em estágios muito iniciais de concepção.

Ainda na entrevista à Famitsu, Aonuma destaca que todas as possibilidades para o próximo Zelda estão abertas, o que significa que ele pode ser tanto uma sequência de Tears of the Kingdom e se passando neste mesmo mundo ou algo completamente novo e diferente, como também sempre foi marca da série. De qualquer forma, ele destaca que, independente da abordagem escolhida, o resultado será uma forma completamente diferente de se jogar.

As expectativas para um DLC do mais recente Zelda estava no histórico criado pela própria Nintendo. Seu antecessor, Breath of the Wild, foi o primeiro título da franquia a receber uma expansão com dois capítulos adicionais que ampliaram a história e mostraram muitos mais elementos da trama daquele universo. Por isso mesmo, acreditava-se que algo semelhante pudesse acontecer com TotK.

Uma das apostas de muitos fãs era que o conteúdo extra de Tears of the Kingdom fosse mostrar mais dos acontecimentos no passado, seja trazendo a princesa Zelda como protagonista ou mesmo algum outro personagem jogável ao invés de Link — o que seria algo inédito dentro da saga. Outra possibilidade cogitada seria um sistema de lembranças, assim como o DLC de BotW já tinha feito. Contudo, com as falas de Aonuma, fica evidente que nada disso vai acontecer e todas as perguntas deixadas em aberto vão continuar assim.