Publicidade
Economize: canal oficial do CT Ofertas no WhatsApp Entrar

Jogo do Esquadrão Suicida dá prejuízo de US$ 200 milhões à Warner

Por| 10 de Maio de 2024 às 18h25

Link copiado!

Captura de Tela/Canaltech/André Mello
Captura de Tela/Canaltech/André Mello

O fracasso de Suicide Squad: Mate a Liga da Justiça já era conhecido, mas agora sabemos o tamanho do prejuízo. A Warner Bros. Discovery apresentou os resultados fiscais do seu primeiro trimestre de 2024 e revelou que o jogo do Esquadrão Suicida gerou perdas de US$ 200 milhões. 

Durante a apresentação feita aos acionistas, o presidente da empresa, David Zaslav, lamentou o desempenho do game e se disse decepcionado com o resultado final. E não apenas em termos financeiros, já que destacou a péssima recepção que o título teve entre a crítica especializada e o público.

Continua após a publicidade

E isso tudo fez com que a receita do departamento de jogos da Warner tivesse uma queda significativa em relação ao primeiro trimestre do ano passado. Como o game protagonizado pela Arlequina e demais membros do Esquadrão Suicida vendeu menos do que se esperava, a empresa acabou ficando no vermelho — contribuindo para o prejuízo de quase US$ 1 bilhão do conglomerado no período.

Ao longo da apresentação, o chefe do departamento financeiro da Warner Bros Discovery, Gunnar Wiedenfels, fez questão de frisar várias vezes o quanto o mau desempenho de Suicide Squad afetou o resultado no trimestre, ainda mais comparado com o ano passado, em que a divisão de jogos da empresa comemorava o sucesso de Hogwarts Legacy.

Lançado em fevereiro de 2024, Suicide Squad: Mate a Liga da Justiça era uma espécie de tragédia anunciada. O game já vinha sendo encarado com muita desconfiança pelo público por ter sido anunciado como um game as service, da mesma forma que os vários adiamentos apenas aumentaram esse receio. 

E, quando o game finalmente chegou aos consoles, o resultado final pouco fez para mudar essa percepção negativa, entregando um gameplay considerado bastante genérico e repetitivo. Tanto que nem mesmo o fato de ter sido desenvolvido pela Rocksteady, a mesma responsável pela aclamada série Batman: Arkham, foi o suficiente para empolgar os jogadores.